segunda-feira, 23 de agosto de 2021

Mais duas remessas de vacinas chegam ao Rio Grande do Sul, com quase 200 mil doses de Pfizer e Coronavac

 


A Secretaria Estadual da Saúde (SES) recebeu neste domingo (22) dois novos lotes de vacinas contra a covid, compostos por 92,1 mil doses de Coronavac desembarcados pela manhã e 106,4 mil da Pfizer no início da noite, somando assim quase 200 mil unidades. Além disso, o Rio Grande do Sul aguarda para esta segunda-feira o desembarque de mais 222,5 mil imunizantes de Oxford.

Conforme o governo gaúcho, as novas remessas devem ampliar para 13,2 milhões o número de doses  de fármacos recebidos pelo Estado desde janeiro, mês que marcou o começo da campanha em todo o País. Desse total,  mais de 10,8 milhões já foram aplicadas.

Em termos de abrangência, mais de 7,18 milhões de habitantes do Estado já receberam a primeira dose, o que representa 92,4% do grupo prioritário (5,25 milhões de gaúchos), 83,2% dos indivíduos vacináveis (8,95 milhões de adultos em geral) e 65,5% da população geral (11,37 milhões) dos 497 municípios.

O esquema completo de imunização, por sua vez, contempla até agora mais de 3,37 milhões – seja quem recebeu duas doses para fármacos com esse sistema ou os contemplados pela vacina da Janssen (apenas uma injeção). Isso representa 61,9% do grupo prioritário, 40,7% dos indivíduos vacináveis e 32,1% da população geral do Estado.

No caso específico da Janssen, as aplicações – iniciadas no dia 26 de junho – já contemplaram 275.636 gaúchos. A informação consta na base de dados da Secretaria Estadual da Saúde, atualizada diariamente por meio das redes sociais e de link específico no site estado.rs.gov.br.

Meta de 100% com primeira dose

Para que todos os municípios gaúchos atinjam juntos até esta quarta-feira (25) a meta de 100% dos adultos contemplados com a primeira dose de vacina contra o coronavírus, o governo do Rio Grande do Sul fez uma remessa adicional de imunizantes ao longo deste sábado e domingo.

Representantes da Secretaria Estadual da Saúde e do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) definiram a estratégia em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) na última sexta-feira (20).

A titular-adjunta da SES, Ana Costa, ressalta a atuação conjunta: “Percebemos como os municípios se uniram para ajustar o passo e andarmos todos juntos”. Ela avalia como fundamental atingir coberturas vacinais “robustas e homogêneas” em todo o território gaúcho.

Com o novo envio, todos os municípios poderão, no mínimo, vacinar toda a sua população de 25 anos ou mais. No rateio das doses, parte será utilizada para ajustes de estimativas populacionais e outra parte para dar prosseguimento à inclusão progressiva de faixas etárias mais jovens.

A secretária da Saúde, Arita Bergman, agradeceu à equipe técnica composta por gestores municipais e estaduais que, segundo ela, “sempre buscaram, juntos, a melhor solução para todos os desafios que se apresentaram durante a distribuição das vacinas, de forma a buscar transparência e isonomia”.

O Sul

Nenhum comentário:

Postar um comentário