terça-feira, 15 de junho de 2021

A CABEÇA DO DRAGÃO - 15.06.21

 por Gustavo Miotti


 


O filme “Lost in Translation”, da diretora Sofia Copolla, narra a passagem de dois americanos pelo Japão. Em vários momentos, os personagens parecem ter perdido o sentido na tradução de alguma ação ou fala, bem como ficam perdidos na compreensão da cultura japonesa em quase sua totalidade. Assim que me sinto em relação a China. Apesar de tê-la conhecido há mais de 25 anos, quando ainda predominavam as bicicletas e os homens vestindo o traje tradicional de Mao Zedong, é um destino que quanto mais busco, leio e estudo, parece que mais distante estou de compreendê-lo.


Se às vezes achamos o Brasil complicado de entender, imagine a China, que tem quase 4.500 anos a mais em sua história, 302 línguas faladas e uma população quase sete vezes maior. Mas ao me deparar com as contradições da China atual, sempre me recordo do paradoxo de Sócrates: Só sei que nada sei! Buscando algo bem mais recente, a sinóloga italiana Giada Messetti desabafa em seu livro sobre a China: “Depois de morar tantos anos no país, aprendi uma única coisa. Quando se trata de China, somente uma coisa é certa: nada é simples como possa parecer. Nada!” Paradoxalmente, aceitar essa complexidade auxilia a entender um pouco mais o dragão através de três importantes perspectivas: yin e o yang, o pensamento chinês e o confucionismo.


O Yin e o Yang é uma das mais importantes características da filosofia chinesa e, como quase tudo na China, é algo simples e complexo ao mesmo tempo. O princípio afirma que tudo existe de forma interdependente e em opostos contraditórios, como frio-calor, antigo-novo, escuro-claro e feminino-masculino. A interação entre os extremos mantém a harmonia do universo e influencia tudo ao seu redor. O Yin e o Yang normalmente sugerem lidar com as coisas de modo balanceado e harmônico entre os dois elementos que influenciam diversos aspectos do dia a dia. Por exemplo, no espaço de trabalho empregados ou executivos têm situações em que precisam ser mais receptivos (yin) e momentos que devem ser mais agressivos (yang) para o bem da organização. Na paternidade, tem situações que os pais precisam ser mais carinhosos e acolhedores (yin) e em outros mais retos e disciplinadores (yang).


Muito dos desencontros está na diferença na lógica do pensar de um ocidental e um chinês. No ocidente, temos um modo de pensar linear, analítico e atento a classificação, enquanto o chinês pensa circularmente, holisticamente e mais atento a concatenação. O pensamento chinês é lateral, não é possível isolar analiticamente um pedaço da realidade. Sempre o contexto é levado em consideração. Nosso pensamento segue uma linha lógica, iniciando por generalizações e movendo para os específicos. Os chineses tendem a mover da generalização para o específico dos detalhes diversas vezes, sem ordem, o que nos parece sem sentido algum. O foco do pensamento chinês é no resultado e não na lógica em si. O mundo parece ser muito complexo para seguir a linearidade do pensamento ocidental. O pensamento chinês não é linear, mas um emaranhado de ideias.


Também influencia no modo de pensar as diferenças nos sistemas de valor. Nós ocidentais prezamos acima de tudo pelo direito individual, a liberdade e a escolha livre. No outro lado do mundo, o grupo sempre está acima do individual. A harmonia e os objetivos coletivos são mais importantes que as preferências individuais e as diferenças culturais e de valores. Um reflexo desta diferença no modo de pensar se dá no campo da medicina. No ocidente se analisa o paciente pelas diversas partes do organismo (neurologista, cardiologista, ginecologista, etc...), enquanto a medicina tradicional chinesa se baseia no equilíbrio de uma parte do corpo com a outra, no interior do mesmo sistema. Alguém que já tenha feito acupuntura irá recordar.


Os valores predominantes da sociedade chinesa derivam dos prescritos do filósofo Confúcio, cujos pensamentos escritos nos Diálogos de Confúcio se tornaram como uma fusão da Bíblia e a Constituição para os chineses. Seus ensinamentos morais datam de mais de 2.500 anos e, diferentemente das religiões monoteístas, não prega uma receita de bula para se chegar ao paraíso, mas um código de conduta social. Este sistema filosófico constitui um conjunto de ensinamentos sobre ética e harmonia social e podem ser resumidos na célebre frase de Confúcio: "não faça aos outros aquilo que não gostaria que fizessem a ti”. Um dos aspectos mais importante do Confucionismo é o respeito e a devoção aos mais velhos, e isso implica disciplina, respeito e deferência nas famílias, escolas e governo.


Mao Zedong considerava a filosofia, ligada aos imperadores e ideologicamente oposta aos ensinamentos marxistas, retrógada e por isso tentou bani-la. Mandou destruir os templos, derrubar as estátuas de Confúcio e queimar os livros que pregavam a doutrina. Porém, a filosofia nunca deixou de existir e Xi Jinping promoveu o renascimento do confucionismo como forma de expelir a influência do pensamento ocidental, principalmente o americano de valores individuais e do poder da democracia. E, também, como forma de legitimar e consolidar o seu poder e do partido comunista como líder moral do pensamento chinês.


Com a China voltando a ser protagonista dos destinos do mundo, ir além dos estereótipos ligados ao país é uma habilidade fundamental para quem quer compreender os prováveis destinos da humanidade. Vimos que apenas ignorá-la pode levar a novos desastres, como o Covid-19.


 


*Gustavo Miotti é autor do livro Crônicas de uma pandemia – reflexões de um idealista. Empresário e Cientista Econômico, pesquisa atitudes relativas à globalização em seu doutorado no Rollins College (Estados Unidos).


Pontocritico.com

STF suspende quebra de sigilo de investigados pela CPI da Covid-19, mas mantém decisão contra Pazuello; AGU deve recorrer

 



STF suspende quebra de sigilo de investigados pela CPI da Covid-19, mas mantém decisão contra Pazuello; AGU deve recorrer
O ministro do Supremo Tribunal Federal Kassio Nunes Marques concedeu uma liminar suspendendo quebra de sigilo de Elcio Franco, ex-secretário executivo do Ministério da Saúde. No entanto, o STF manteve a quebra de sigilo de Eduardo Pazuello. Segundo a CNN, a Advocacia-Geral da União vai recorrer da decisão contra o ex-interino da Saúde.
Foto via @elpais_brasil

INFRAESTRUTURA

 Ontem, o excelente ministro da infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, disse a investidores estrangeiros que o Brasil está projetado "para dar certo" e que vários fatores concorrem para que o país tenha a estruturação de projetos mais sofisticada do mundo no âmbito da infraestrutura. Na ocasião, ele comemorou os 70 leilões já realizados, de portos às ferrovias dizendo que a expectativa do governo é chegar ao final de 2022 com a contratação de R$ 260 bilhões em infraestrutura.


Os principais ativos que ainda serão leiloados à iniciativa privada são a Dutra (BR-116/101/SP/RJ), a BR-381/262/MG/ES, a Ferrogrão, arrendamentos portuários no Porto de Santos, a desestatização da Codesa (Companhia Docas do Espírito Santo/ES), e a última rodada de concessões aeroportuárias com 16 aeroportos que serão divididos em três blocos.


Para o ministro, o Brasil sai à frente da comunidade internacional no pós-pandemia e está apresentando ao mundo um "portfólio de projetos" sofisticados. "Cada projeto é olhado com muito empenho. Temos, hoje, excelência em termos de estruturação de projetos", disse.


 


Também ontem, o ótimo ministro da Economia, Paulo Guedes,  rebateu pedidos por mais recursos para a Educação e disse que ouve reclamações de todas as pastas pelo aperto orçamentário.“Ministros têm sempre muitas ideias:  um quer fazer uma ponte pra lua; outro quer fazer um marco histórico que vai mudar a vida do País. Aí começa a gastança que faz a dívida pública aumentar provocando endividamento em bola de neve. Aí vamos parar onde estamos hoje”.


Pontocritico.com

O MERCADO DE CAPITAIS ATROPELA O MERCADO FINANCEIRO

 MERCADO FINANCEIRO

Nas últimas cinco décadas, mais do que sabido, o PIB brasileiro, na média, apresentou um crescimento sempre muito baixo. Este comportamento recorrentemente pífio fez com que o MERCADO FINANCEIRO mandasse no pedaço. Vejam, por exemplo, que as sobras dos recursos empresariais e pessoais eram imediatamente destinadas para a aquisição de títulos de crédito, cuja remuneração, para garantir ganho REAL, precisava ser apenas superior à TAXA DE INFLAÇÃO. Como se percebe, os brasileiros em geral usavam o mercado financeiro como instrumento de DEFESA, ou PROTEÇÃO, contra a INFLAÇÃO. 


MERCADO DE CAPITAIS

Pois, a partir de 2019, quando o atual governo foi eleito, o MERCADO FINANCEIRO, face a uma substituição do modelo estabelecido no Programa de Governo, foi colocado em prática a queda sistemática das taxas de juros. Tal providência abriu um grande espaço para o crescimento e desenvolvimento do MERCADO DE CAPITAIS, onde boa parte da poupança foi desviada para INVESTIMENTOS. Isto se deu tanto pela compra de ações de empresas negociadas em bolsas quanto por aplicações em investimentos em novos negócios ou expansão dos já existentes.  


CRESCIMENTO FANTÁSTICO

A evolução do MERCADO DE CAPITAIS, que começou pra valer em 2019, registra um avanço por demais relevante nestes primeiros meses de 2021. Vejam, por exemplo, o que diz a Exame-IN de hoje: em maio, as captações somaram R$ 55 bilhões – crescimento de 31,9% ante abril –, o que elevou o resultado do ano a R$ 198 bilhões, ou seja, 54,1% superior a igual período de 2020. A cifra com nove dígitos não deixa dúvidas de que o mercado ocupa hoje boa parte do espaço que, até o passado recente, era exclusivo do BNDES.  


AINDA É PEQUENA

Mais: segundo José Eduardo Laloni, atual vice-presidente da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (ANBIMA), a criação e diversificação de gestoras contribuiu para uma mudança também do perfil dos investidores. “Quando as operações eram dominadas basicamente por grandes bancos, não havia tanta diversificação de oferta de instrumentos para investir. E tampouco existia um leque ampliado de investidores. As plataformas digitais democratizaram os investimentos e agregaram mais investidores. O mercado cresceu, mas deve crescer ainda mais porque, apesar de o número de CPFs na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo) ter se MULTIPLICADO POR CINCO, a Bolsa ainda não é condizente com o PIB brasileiro. AINDA É PEQUENA, pondera o executivo".


AGENDA DE PRIVATIZAÇÕES

Laloni chama atenção para o fato de a economia brasileira estar em recuperação no pós-pandemia, mas ainda não estar em recuperação plena. Para o investidor, isso faz diferença. “Temos mercado a ser desenvolvido com a agenda de privatizações e concessões. Novos emissores chegarão ao mercado e também novos investidores e essa perspectiva nos deixa otimistas. Hoje, o aplicador, sobretudo o jovem, sabe distinguir IPCA e margem de ganho e esse aprendizado veio para ficar.” Na prática, o investidor deixou de ser refém do antigo ‘overnight’ – uma versão bem antiga da taxa Selic.


IPOS E FUNDOS

Laloni vai mais adiante: - A diversificação de fundos, como imobiliário e de crédito para além da própria Bolsa, também contribui para maior equilíbrio dos mercados não apenas como fonte de remuneração para o investidor, mas também como fonte de financiamento de atividades setoriais. “O mês de maio é um bom exemplo. Depois de um abril sem ofertas primárias de ações (IPOs), maio registrou captação significativa. Se diminuiu a oferta de crédito, aumentou a de debêntures. Isso também significa menor concentração em empresas emissoras, o que é positivo. De novo, hoje o mercado é mais democrático”, acrescenta Laloni.


No mercado acionário, após abril sem registro de IPO, em maio as operações alcançaram R$ 10,3 bilhões, sendo que metade desse volume foi obtido com ofertas públicas iniciais. Com a divulgação de indícios de retomada da economia e o avanço da vacinação é possível que a tendência de que as emissões primárias se mantenham. Há cerca de R$ 8,4 bilhões de ofertas em andamento.


No caso das subscrições das ofertas de ações, mais da metade são fundos de investimentos, seguidos pelos investidores estrangeiros, com pouco mais de 35% de participação.



Pontocritico.com

Antecipação de vacina: Bolsonaro tem reunião com chefe da Pfizer

 















Vagas de emprego em Porto Alegre - 15.06.2021

 

Mapa Brasil

Olá, Lúcio.

Confira as vagas que temos para você:

Vendedor

motironegocios


Salário: R$1100 por mês

Localização: Porto Alegre

Vendedor

Confidencial


Salário: R$5000 por mês

Localização: Porto Alegre

Vendedor

armazemtresmarias


Salário: R$1300 por mês

Localização: Porto Alegre

Vendedor

Confidencial


Salário: Confidencial

Localização: Porto Alegre

Vendedor

centerlux


Salário: R$2043 por mês

Localização: Porto Alegre

2156 vagas em Porto Alegre/RS

VER VAGAS

1185 vagas de Vendedor

VER VAGAS

12224 vagas na area de Comércio

VER VAGAS

Hoje tem vaga pra você

 

Logo Trabalha Brasil

#partiu emprego novo

Temos 30 vagas para Vendedor em Porto Alegre

emprego novo

Dê uma turbinada em sua carreira, encontre uma nova oportunidade!

VISUALIZAR VAGAS

Tamlyn Tomita, atriz e cantora nipo-americana

 















Tamlyn Naomi Tomita (Okinawa27 de janeiro de 1966) é uma atriz e cantora nipo-americana, que já apareceu em muitos filmes de Hollywood e séries de televisão, como The Good Doctor.


Biografia


Tomita nasceu em Okinawa, filha de Shiro e Asako Tomita. Seu pai era um nipo-americano que foi internado em ManzanarCalifórnia, durante parte da Segunda Guerra Mundial, e depois se tornou um policial de Los Angeles, subindo para o posto de sargento e ajudando a formar a primeira força-tarefa asiática nesse departamento.[1]


Filmografia



Outros trabalhos


  • 2002: 007: Nightfire (jogo do James Bond) como Makiko Hayashi
  • 2013-2014-2015: Teen Wolf como Noshiko Yukimura,mãe de Kira Yukimura


Referências

  1.  «New America Media». Consultado em 16 de agosto de 2015



Ligações externas



Wikipédia

Maneiras básicas de como avaliar palavras-chave para otimização de mecanismos de pesquisa

 Por Seomul Evans


Na otimização de mecanismos de pesquisa (SEO) e na busca por uma boa fatia do mercado, as palavras-chave desempenham um papel importante. Palavras-chave selecionadas corretamente definem a direção de uma campanha online. E a empresa e a organização que podem atingir com eficiência as palavras-chave corretas pesquisadas pelo mercado-alvo são as que sobrevivem no mercado altamente competitivo da Internet. Esta é a razão pela qual as grandes empresas expandiram seus esforços de publicidade online para atingir o que os consumidores procuram. Mas obter as melhores e mais eficientes palavras-chave não é uma tarefa fácil; existe uma ciência em selecionar as palavras-chave mais adequadas e nem todas as palavras-chave e frases são mais bem utilizadas e utilizadas em uma campanha de marketing na Internet. Se você está nesta fase de planejamento, ' É melhor que você esteja ciente das melhores maneiras de avaliar a relevância e a possível eficácia das palavras-chave pré-selecionadas. Listadas abaixo estão algumas sugestões sobre como avaliar palavras-chave pelo menos no contexto de otimização de mecanismo de pesquisa.

Faça uma avaliação interna

As palavras-chave selecionadas são relevantes e relacionadas ao conteúdo real e ao foco do site? Ou os consumidores e internautas encontrarão exatamente o que procuram no site após clicarem no link de fornecimento? Se você responder sim a duas perguntas básicas, então você está no caminho certo e segmentou geralmente as palavras-chave certas para sua campanha.




Faça uma verificação das palavras-chave nos motores de busca

Se uma verificação nos motores de busca revelar que existem anúncios associados às palavras-chave que seleccionou, significa que as palavras-chave são altamente valorizadas na indústria e online. E você também está no caminho certo na identificação de palavras-chave que podem render resultados financeiros.

Outra boa estratégia a ser usada é comprar uma pequena campanha no Google. Você pode escolher palavras-chave específicas para sua campanha e vinculá-las à página mais relevante de seu site. Agora o que você deve fazer é monitorar o tipo de tráfego que a página específica está obtendo. Os dados coletados devem ser usados ​​e tabulados para se obter estimativas sobre a eficácia das palavras-chave. Por exemplo, se no dia anterior a página da web recebeu 1.000 impressões ou cliques, e desse número 100 realmente visitou o site, e 1 usuário da Internet converteu em vendas, digamos $ 10. Então, isso significa que cada visitante atraído pela palavra-chave selecionada é avaliado em cerca de US $ 0,01. E, para comparar o valor das palavras-chave, teste outra palavra-chave usando o processo real e, teoricamente, calcule o valor por visitante.

Estas são sugestões básicas e grosseiras sobre como avaliar as palavras-chave disponíveis. Existem outras formas avançadas também, e estas são frequentemente utilizadas por grandes empresas que realmente dedicam todo o seu tempo e esforço na otimização de mecanismos de pesquisa e na pesquisa de palavras-chave. E na maioria das vezes, essas formas avançadas de como testar o valor das palavras-chave virão com ferramentas e software online, portanto, podem ser caras. Mas os resultados são úteis, é claro, para os profissionais de marketing dispostos a perceber o valor de suas palavras-chave.

Sobre o autor: Seomul Evans é um consultor de serviços de SEO para uma empresa de SEO baseada em Dallas, especializada em SEO orgânico.

Fonte: www.isnare.com
Link permanente: http://www.isnare.com/?aid=850254&ca=Internet e https://www.activesearchresults.com/articles/850254.php

Antiquário - Lustre/luminária à venda

 



Valor: R$ 350,00 (a unidade)

Mais informações:

Judite Sandra La Cruz
(51) 9 8502.8080 
Teia de Aranha
Endereço: Av. João Pessoa, 1040 -  Porto Alegre - RS, 90040-001
A loja funciona de quarta a  domingo a partir das 10 horas.


Outros produtos à venda



Vaso à venda com 1,90 de altura


Garniture Capo di Monte à venda


Conjunto à venda na loja










Chris Flores, apresentadora e jornalista brasileira

 











Christiane Manolio Valladão Flores (São Paulo24 de outubro de 1977), mais conhecida como Chris Flores, é uma apresentadora e jornalista brasileira.


Biografia


Filha de Soeli Manolio e Gilberto Valladão Flores, é casada com o fotógrafo Ricardo Corrêa e tem um filho, Gabriel. Formada em Jornalismo pela PUC de São Paulo, em 1998, começou a carreira como assistente de redação em agências de comunicação. Na área empresarial, foi repórter de publicações de importantes corporações e instituições, como Perdigão, Pfizer e OAB.


Carreira


Chris começou como jornalista em 2000 trabalhando na comunicação e marketing de campanhas políticas, como a do governador Mário Covas, em São Paulo. Editou especiais e fez reportagens para revistas como Aventuras na HistóriaManequim e Criativa. Na área de celebridades, foi repórter do jornal Agora e editora das revistas Contigo! e Minha Novela. Na Record, foi colunista de celebridades do jornalístico Tudo a Ver. Já foi jurada diversas vezes do Troféu Imprensa, e fez várias participações no programa A Casa É Sua, da RedeTV!, do Programa da Tarde e do Hoje em Dia. Apresentou o Hoje em Dia, na RecordTV, ao lado de Ana HickmannEdu Guedes e Britto Junior e, posteriormente, Gianne Albertoni e Celso Zucatelli. Ela deixou o comando do Hoje em Dia no dia 9 de janeiro de 2015 devido a reformulação do matinal promovido pela RecordTV que foi anunciada no dia 19 de dezembro de 2014.[2]

Foi apresentadora de duas temporadas do reality show Troca de Família entre 2015 e 2016.[3] Também apresentava o programa Ressoar, que vai ao ar na Record News todos os sábados e domingos e também foi blogueira do R7.[4] Em 06 de setembro de 2016, Chris anuncia sua saída da RecordTV.[5]

Em 09 de setembro, Chris assina contrato com o SBT para comandar o reality Fábrica de Casamentos, ao lado do chef Carlos Bertolazzi, que estreou em março de 2017.[6] Em setembro, ainda nesse ano, estreou no comando do reality show BBQ Brasil: Churrasco na Brasa, com final previsto para dezembro de 2017. Em março de 2018 vai comandar a segunda temporada do reality Fábrica de Casamentos. Mas antes, em janeiro do mesmo ano, vai fazer participações no programa Fofocalizando, na cobertura de férias dos apresentadores titulares. Também em 2018, Flores irá comandar um reality de moda no canal de TV paga Discovery Home & Health chamado 5 Looks.


Filmografia

Televisão


AnoTítuloCargoNota
2004–06Tudo a VerColunistaQuadro: "Astros e Estrelas"
2006A Casa É SuaQuadro: "Mundo das Celebridades"
2007–09Programa da TardeQuadro: "Mundo das Estrelas"
2007–09Hoje em DiaQuadro: "Celebridades"
2009–14Apresentadora
2008–15Ressoar
2015–16Troca de Família
2017–18BBQ Brasil: Churrasco na Brasa
2017–presenteFábrica de Casamentos
2018Discovery 5 Looks
2019-20FofocalizandoComentarista
2020Notícias ImpressionantesApresentadora3 programas
2020Bake Off Brasil: Mão na Massa (6.ª temporada)1 episódio
2020-21Triturando
2021-presenteFofocalizando


Internet


AnoTítuloCargoPlataforma
2014-presenteTV Chris FloresApresentadoraYouTube



Referências


  1.  «Chris Flores mostra sua preparação para ficar com tudo em cima para a estação mais quente do ano». R7. 16 de novembro de 2012. Consultado em 28 de março de 2020
  2.  «Celso Zucatelli, Chris Flores e Edu Guedes deixam o Hoje em Dia». 19 de dezembro de 2014. Consultado em 23 de janeiro de 2015
  3.  «Chris Flores volta em 'Troca de Família' – Keila Jimenez – R7»Keila Jimenez. Consultado em 2 de julho de 2015
  4.  «Blogs». R7. Consultado em 12 de junho de 2010
  5.  «Na geladeira, Chris Flores pede demissão e deixa Record após 11 anos– Noticias da TV»Daniel Castro. Consultado em 7 de setembro de 2016
  6.  «Chris Flores acaba de assinar contrato com o SBT»SBT na Web. Consultado em 9 de setembro de 2016


Ligações externas


Wikipédia