quarta-feira, 16 de novembro de 2022

Rússia descreve como "provocações" relatos de queda de mísseis russos na Polônia

 Ataque do país ao território polonês significaria uma grande escalada do conflito na Ucrânia, com risco de ampliá-lo


A Rússia descreveu como "provocações" os relatos desta terça-feira de que mísseis russos haviam caído na Polônia, um país membro da Otan e vizinho da Ucrânia. "As declarações da mídia polonesa e de autoridades oficiais sobre uma suposta queda de mísseis russos perto da cidade de Przewodow são uma provocação intencional que busca escalar a situação", disse o Ministério da Defesa russo.

"Não foi realizado nenhum ataque contra alvos próximos à fronteira ucraniana-polonesa", insistiu o ministério. As imagens de "escombros publicadas pela imprensa polonesa (...) da cidade de Przewodow não têm nenhuma relação" com os projéteis russos, acrescentou.

A Rússia bombardeou Kiev e outras cidades ucranianas nesta terça-feira. Um ataque russo ao território da Polônia significaria uma grande escalada do conflito na Ucrânia, com risco de ampliá-lo.

O Pentágono disse que estava "investigando" relatos da mídia de que mísseis russos teriam caído "no interior da Polônia ou na fronteira com a Ucrânia". O governo polonês convocou uma reunião de emergência de seu Conselho de Segurança Nacional "devido à situação de crise".

AFP e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário