terça-feira, 15 de novembro de 2022

É DEVER DO CONGRESSO DEFENDER A LIBERDADE DE EXPRESSÃO NO BRASIL

 Vídeo de Marcel van Hattem

Não tenho a menor dúvida de que a mudança política que o Brasil vem presenciando nos últimos anos se deve também ao poder que as redes sociais deram aos cidadãos. Essa nova forma de comunicação permite que a opinião de todos reverbere mais fortemente e que as insatisfações cheguem aos que estão no poder, inclusive sob forma de pressão. O problema é que nem todas as autoridades no establishment concordam com essa nova voz que ecoa forte pelo país, que cobra e, acima de tudo, quer respostas para seus questionamentos.
E é aí que começa a censura aos cidadãos, incluindo parlamentares, em suas redes sociais. Trata-se de uma verdadeira caça às bruxas aos que ousam pensar diferente. Uma censura que se traveste, mentirosamente, de combate a fake news, mas que na verdade vem sendo colocada em prática por aqueles que deveriam guardar a nossa Constituição contra quem ousa questionar seus abusos: os ministros do STF e do TSE.
Em minha fala no plenário da Câmara dos Deputados, na quinta-feira (10), relembrei como a participação da população brasileira na política ficou mais forte a partir de 2013, quando vimos as primeiras manifestações. Mas, hoje, essa liberdade de expressão está ameaçada. Cabe ao Congresso defender o direito da população de continuar se expressando livremente, impedindo que essa ditadura do judiciário seja permanente. Não podemos ficar calados diante dessa afronta ao Estado de Direito.




Fonte: https://www.facebook.com/watch/?v=500937985425333

Nenhum comentário:

Postar um comentário