terça-feira, 17 de agosto de 2021

Universidade suíça anuncia recorde no cálculo do número Pi

 Cálculo chegou aos 62,8 trilhões de casas decimais



Uma universidade suíça informou nesta segunda-feira que bateu um recorde no cálculo do número Pi, com 62,8 trilhões de casas decimais. Em nota, a Escola Superior de Ciências Aplicadas (HES) do cantão dos Grisões, no leste da Suíça, comemorou ter alcançado este resultado graças a um computador de alto desempenho que trabalhou durante 108 dias e 9 horas.

"É, portanto, quase duas vezes mais rápido do que o recorde estabelecido pelo Google em 2019 e cerca de 3,5 vezes mais rápido que o último recorde mundial, em 2020", observou o boletim. As últimas dez cifras do Pi são "7817924264", disse o HES, garantindo que não revelará o número completo até que seja aprovado pelo Livro dos Recordes do Guinness.

De acordo com o comunicado, o computador da universidade ultrapassou em seus cálculos o último recorde mundial, de 50 trilhões de casas decimais, ao somar 12,8 trilhões de novos números até então desconhecidos.

Pi é o número pelo qual o diâmetro de um círculo deve ser multiplicado para obter sua circunferência e é impossível saber seu valor exato, pois o número de dígitos após a vírgula é infinito. Para o público em geral, Pi é geralmente equivalente a 3,1415927.

AFP e Correio do Povo


Sonho paralímpico acaba para atletas do Afeganistão retidos em Cabul


Nenhum comentário:

Postar um comentário