terça-feira, 10 de agosto de 2021

Prefeitura lança projeto de revitalização do Centro Histórico de Porto Alegre

 Objetivo é tornar o centro um polo de atração turística e econômica para a Capital



A Prefeitura de Porto Alegre lançou nesta segunda-feira no Paço Municipal o Centro+, projeto de revitalização do Centro Histórico de Porto Alegre. O programa inclui a restauração dos espaços que compõem o Centro Histórico da Capital, a partir de um tratamento diferenciado para cada uma das zonas do bairro, organizadas em cinco eixos operacionais: Infraestrutura e Serviços; Regime Urbanístico e Legislação; Mobilidade Urbana; Desenvolvimento, Turismo e Cultura; Segurança e Fiscalização. 

O secretário de Planejamento e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer, apresentou um mapeamento do projeto por meio da divisão setorial, que identifica as áreas cultural/institucional (dinamização), residencial (preservação) e comercial (humanização). O objetivo é tornar o centro um polo de atração turística e econômica para a cidade."O turista que desce no aeroporto para ir para a serra, tem que passar antes pelo centro, para visitar o centro", explicou. 

O secretário entende que o espaço urbano tem vida quando há pessoas e, para isso, é preciso ter atrativos, que estão previstos na implementação do Centro+. "Para uma cidade ser boa para o turista, precisa antes ser boa para quem mora nela", enfatizou. 

O prefeito Sebastião Melo ressaltou que existe"a cidade do sonho e a cidade possível", e que esse projeto vai viabilizar o melhoramento do Centro Histórico atingindo também o cais do Porto. "Até o aniversário de Porto Alegre, devemos entregar setor 2 do Cais do Porto", salientou. Melo também destacou que trabalha que nos seis meses da sua gestão, Porto Alegre teve mais metros quadrados reformados. 

Na ocasião, também houve a abertura aberta das inscrições para o Desafio Criativo Centro+. A iniciativa é uma parceria da prefeitura com Pacto Alegre, BS Project, Co.nectar Hub e Sindilojas POA. É  um hackathon que unirá o poder público, a academia e a iniciativa privada em uma maratona cuja finalidade é apresentar propostas que alavanquem o desenvolvimento e resgatem o protagonismo da região. 

O Desafio Criativo Centro+ é voltado a profissionais das mais variadas áreas, entre elas arquitetura e urbanismo, design, engenharia civil, engenharia de produção, artes plásticas, gastronomia, produção cultural, economia e turismo.

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário