terça-feira, 19 de maio de 2020

Projeto de Tabata Amaral contra fake news divide opiniões

Tudo sobre a demissão de Sergio Moro do Ministério da Justiça

         A deputada federal Tabata Amaral (PDT-SP) apresentou um projeto de lei contra fake news.


Regulamentação ou censura? Projeto de Tabata Amaral contra fake news divide opiniões

Um projeto de lei sobre fake news apresentado em abril pela deputada federal Tabata Amaral (PDT-SP) em parceria com o deputado Felipe Rigoni (PSB-ES) foi criticado recentemente pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). Segundo o filho do presidente Jair Bolsonaro, o texto do projeto tem teor de censura.
“Como sempre, aqueles que mais se dizem defensores da liberdade da expressão procuram censurar o povo. Os deputados Tabata Amaral e Felipe Rigoni apresentam projeto para controlar até o que você posta no WhatsApp. Igualzinho acontece em Cuba, China, Coreia do Norte, etc.”, afirmou Eduardo Bolsonaro, via Twitter.
O projeto quer instituir a Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência na Internet. Para combater as notícias falsas, o documento prevê, entre outras coisas, a responsabilização das plataformas em que esses conteúdos são publicados, a proibição de contas inautênticas e robôs, e a checagem dos conteúdos numa parceria entre redes sociais e “verificadores de fatos independentes”, conforme o seu texto.

Continuar lendo



Gazeta do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário