terça-feira, 10 de novembro de 2020

Inter confirma a saída do técnico Eduardo Coudet

 Treinador argentino irá comandar clube europeu


O Inter confirmou nesta segunda-feira a saída do técnico argentino Eduardo Coudet. O treinador deixa o Colorado para, provavelmente, assinar com o Celta, de Vigo, da Espanha. Desde o retorno do futebol, em julho, o técnico vinha demonstrando insatisfação com as cobranças exageradas em cima de um grupo que ele qualificava como “curto”.

De acordo com o presidente Marcelo Medeiros, Coudet revelou à diretoria, após a reunião que selou a sua saída, que havia aceitado o convite de “um clube europeu”. Na Espanha, jornalistas locais já dão como certa a ida de Coudet para o Celta. Será um retorno, uma vez que o treinador argentino foi jogador do clube. 

Celta tentava Coudet desde outubro

Os espanhóis iniciaram as tratativas com o empresário de Coudet no final de outubro, mas o acerto não ocorreu devido ao Celta ainda ter Óscar García no comando da equipe. Isso foi superado na manhã de segunda-feira, após empate da equipe com o Elche, em 1 a 1, e a demissão do treinador. Após o resultado, o Celta ocupa a 17ª posição do Campeonato Espanhol.  

Com a demissão de García, o caminho ficou aberto para a contratação de Coudet. Após o empate em casa com o Coritiba, o técnico entregou o cargo e a direção não aceitou. Após nova reunião entre as partes, foi confirmada rescisão de contrato.    

Aproveitamento de 61,5%

Anunciado em dezembro de 2019 no Inter, o argentino comandou o Colorado em 46 jogos. Teve 24 vitórias, 13 empates e nove derrotas, com 61,59% de aproveitamento. Além disso, o Inter é líder do Brasileirão com 36 pontos e está classificado para as quartas de final da Copa do Brasil e oitavas da Libertadores. Coudet deixa o Inter sem nenhum título e sem vencer clássicos Gre-Nais – ele disputou seis.  

A direção ainda não definiu qual será o profissional que irá substituir Eduardo Coudet. O técnico deve acertar até o final da temporada, em fevereiro de 2021. Com eleições marcadas para o mês que vem, a atual gestão permanece até o fim deste ano.     


Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário