sexta-feira, 9 de setembro de 2022

Candidatos ao Piratini repercutem morte da rainha

 Postulantes prestaram homenagens nas suas redes sociais

Taline Oppitz



Momento histórico, a morte da rainha Elizabeth II, que ocupou o trono britânico por sete décadas, é ainda um episódio inédito para boa parte dos gerações do globo. Elizabeth II morreu nesta quinta-feira aos 96 anos. Sua partida foi repercutida nas redes sociais por alguns dos candidatos gaúchos.

Luis Carlos Heinze (PP), que disputa o Piratini, escreveu: “O mundo perde hoje uma grande mulher. Rainha Elizabeth II, foi um exemplo a ser seguido por todos os líderes mundiais. Resiliente, sempre zelou pela união da sua nação”.

Candidato do PSDB, Eduardo Leite afirmou que “o mundo se despede de uma das figuras mais marcantes na história mundial. A Rainha Elizabeth II construiu um incomparável legado em defesa da harmonia entre os povos e da capacidade de liderar pelo exemplo, de forma serena e com senso de dever. Que descanse em Paz!”.

Vieira da Cunha, que concorre ao Piratini pelo PDT, postou: “Após sete décadas na chefia de Estado de uma das Nações mais poderosas do mundo faleceu hoje, aos 96 anos de idade, a Rainha Elizabeth II. Sua longevidade, carisma e popularidade a transformaram em um verdadeiro símbolo do Reino Unido”. 

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário