terça-feira, 3 de agosto de 2021

Média de mortes causadas pela covid no País fica abaixo de 1 mil pelo terceiro dia seguido

 


O Brasil registrou 473 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, totalizando nesta segunda-feira (2) 557.359 óbitos desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias chegou a 968 – a mais baixa desde 18 de janeiro (quando estava em 959). É o terceiro dia seguido com essa média abaixo de 1 mil. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de -19% e aponta tendência de queda.

A média móvel de casos da doença, em pouco mais de 35 mil por dia, atingiu o menor número desde 29 de dezembro.

A quantidade de pessoas infectadas com a covid-19 desde o início da pandemia alcançou 19.953.501. Entre domingo e esta segunda, foram confirmados 15.143 novos casos da covid-19. No domingo, o painel do Ministério da Saúde trazia 19.938.358 casos acumulados.

Ainda há 709.075 casos em acompanhamento, que são pessoas cuja condição de saúde é observada por equipes de saúde e que ainda podem evoluir para diferentes quadros, inclusive graves.

O número de pessoas que se recuperaram da covid-19 chegou a 18.687.203.

Os dados, em geral, são menores aos domingos e segundas-feiras em razão da dificuldade de alimentação do sistema pelas secretarias estaduais. Já às terças-feiras, os resultados tendem a ser maiores pela regularização dos registros acumulados durante o fim de semana.

Estados

No topo do ranking de mortes por Estado estão São Paulo (139.059), Rio de Janeiro (59.375), Minas Gerais (50.628), Paraná (35.275) e Rio Grande do Sul (33.365). No topo de baixo da lista estão Acre (1.802), Roraima (1.858), Amapá (1.913), Tocantins (3.529) e Alagoas (5.833).

O total de casos e mortes nos Estados pode ser maior devido à atualização constante das secretarias estaduais e municipais de Saúde.

Vacinação

Foram distribuídas até esta segunda 184,4 milhões de doses de vacinas contra a covid-19, com a entrega de 166,6 milhões de doses aos Estados.

Segundo os dados do Ministério da Saúde e das secretarias estaduais de Saúde, foram aplicadas até esta segunda-feira 142,5 milhões de doses, sendo 101 milhões da primeira dose e 41,5 milhões da segunda dose. Nas últimas 24 horas foram aplicadas 1,2 milhão de doses.

Quando considerados os dados já consolidados no sistema de informações do Programa Nacional de Imunizações (PNI), foram aplicados 135,8 milhões de doses, com 96,4 milhões da primeira dose e 39,3 milhões da segunda dose. As informações são da Agência Brasil.

O Sul

Nenhum comentário:

Postar um comentário