terça-feira, 17 de agosto de 2021

FGTS vai distribuir parte do lucro de R$ 8,5 bilhões aos trabalhadores

 


O Conselho Curador do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) deve decidir nesta terça-feira (17) qual será o repasse do lucro de rendimentos para os trabalhadores e como o dinheiro será distribuído.

Atualmente, cerca de 83 milhões de trabalhadores possuem contas vinculadas ao FGTS. Em 2020, o fundo registrou lucro líquido de R$ 8,5 bilhões, o que representou uma queda de 24,7% na comparação com o ano anterior.

A distribuição de parte do lucro do FGTS aos trabalhadores é feita desde 2017, o que melhora o rendimento dos recursos depositados no fundo. Segundo a Caixa Econômica Federal, a distribuição será feita “mediante crédito nas contas vinculadas de titularidade dos trabalhadores até 31 de agosto de 2021”.

O dinheiro é distribuído de forma proporcional ao saldo das contas vinculadas. No ano passado, foram repassados R$ 7,5 bilhões aos trabalhadores, valor equivalente a 66,2% do lucro do FGTS em 2019. Se a mesma média do ano passado for mantida, o valor da distribuição em 2021 passaria de R$ 5,6 bilhões.

Vale lembrar que o recebimento de parte dos lucros não muda em nada as regras para retirar o dinheiro do FGTS. Os saques só podem ser feitos mediante condições específicas, como demissão sem justa causa, compra da casa própria ou na aposentadoria.

Enquanto o FGTS não é retirado pelo trabalhador, fica depositado na Caixa e é usado em programas de habitação, por exemplo.

O Sul

Nenhum comentário:

Postar um comentário