segunda-feira, 21 de dezembro de 2020

Prefeitos eleitos não assumirão em quatro cidades do RS

 Problemas relacionados à Lei da Ficha Limpa e de registro farão com que presidente da Câmara assuma o Executivo



As cidades de Capão da Canoa, Santa Bárbara do Sul, Putinga e Pinheiro Machado não terão os seus prefeitos eleitos tomando posse no dia 1º de janeiro de 2021. Devido ao indeferimento das suas candidaturas pelo TRE-RS, eles não poderão assumir o cargo. Nesse caso, quem assume o comando do município provisoriamente é o presidente da Câmara de Vereadores, uma vez que a chapa (prefeito e vice) está impedida. 

Agora, cabe ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovar ou não os recursos enviados pelos candidados. Em caso de aprovação, o candidado tomará posse da prefeitura após a decisão judicial e segue o mandato durante os próximos quatro anos. Mas, caso o recurso seja negado, será solicitada a realização de novas eleições no município.

Segundo o site do TSE, tdos quatro candidatos três tiveram suas candidaturas indeferidas motivadas pela Lei da Ficha Limpa. São eles: Amauri Germano (PTB) de Capão da Canoa, que recebeu 12.932 votos; Mário Filho (PP) de Santa Bárbara do Sul, que recebeu 2.834 votos; e Carlos Betiollo (PSDB) de Pinheiro Machado, que recebeu 3.647 votos.

Em Putinga, Claudiomiro Cenci (PP) teve problemas no registro do partido/coligação. Ele recebeu 1.747 votos.


Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário