quarta-feira, 7 de dezembro de 2022

Poderosa onda de calor deve atingir Rio Grande do Sul no fim de semana

 Sexta e o sábado podem ser os dias mais quentes no território gaúcho, com marcas perto e acima de 40ºC

Há chance de marcas históricas e recordes de calor para o mês de dezembro no RS 

Brutal onda de calor se instala no Centro, Nordeste e o Norte da Argentina e se estenderá ao Uruguai, Paraguai e Rio Grande do Sul com marcas extremamente altas e muitíssimo acima da média desta época do ano com valores raramente e em alguns lugares nunca observados em dezembro. Os mais recentes dados dos modelos numéricos intensificaram ainda mais o calor para o final desta semana no Rio Grande do Sul com marcas extremas de temperatura máxima que não são comuns nem no auge do verão e ocorrem apenas em ondas de calor muito intensas ou até históricas, como foi o caso da registrada em janeiro deste ano.

Uma bolha de calor começa a atuar no Norte e no Nordeste da Argentina com calor muito intenso. A temperatura às 16h ontem, pelos dados do Serviço Meteorológico Nacional da Argentina, superava os 40ºC em algumas províncias. A tendência é que esta bolha de calor se reforce ainda mais a partir desta terça e atinja o seu pico de intensidade entre quarta e sexta no país vizinho, antes que instabilidade comece a se formar na região com nebulosidade e chuva, além de tempestades localmente muito severas.

Os dados seguem indicando a possibilidade de temperaturas máximas de até 45ºC no Norte da Argentina entre amanhã e quinta com alguns modelos, chegando a indicar marcas de 46ºC a 47ºC. A temperatura, que ontem já ficou ao redor dos 35ºC na Fronteira Oeste, terá uma escala no Rio Grande do Sul. Hoje, os termômetros marcam de 35ºC a 37ºC na Metade Oeste, mas na segunda metade da semana as marcas se elevam ainda mais.

A sexta e o sábado podem ser os dias mais quentes no território gaúcho, com marcas perto e acima de 40ºC em diversas regiões. Modelos projetam a possibilidade de máximas de 40ºC a 42ºC no Oeste gaúcho e no sábado ao redor dos 40ºC na Grande Porto Alegre. Há chance de marcas históricas e recordes de calor para o mês de dezembro no Rio Grande do Sul. No começo da semana que vem, onda de tempestades deve encerrar a onda de calor.

MetSul e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário