domingo, 25 de dezembro de 2022

Movimento nos aeroportos do país deve aumentar em 45% durante as festas de final de ano

 Mais de 2,5 milhões de passageiros são esperados entre os dias 16 de dezembro de 2022 e 2 de janeiro de 2023, aponta Infraero

Infraero, responsável pela administração de 19 aeroportos espalhados pelo país, estima que o movimento no final de ano deve aumentar em 45% em comparação com o ano de 2021.

Cerca de 1,7 milhão de pessoas embarcaram e desembarcaram nos terminais da empresa, entre os dias 17 de dezembro de 2021 e 3 de janeiro de 2022. Enquanto, para este ano, a expectativa é de 2,5 milhões de passageiros entre 16 de dezembro de 2022 e 2 de janeiro de 2023.

A projeção para as festas de fim de ano foi realizada a partir das programações informadas pelas empresas aéreas. Estão previstos também 18,7 mil pousos e decolagens no período, 38% superior em relação aos 13,5 mil voos no período do ano passado.

Para a Associação Brasileira das Empresas Aéreas, a flexibilização das medidas sanitárias, a queda do números de casos de Covid e a sazonalidade por conta do fim de ano justificam o aumento expressivo de viagens.

Analisando números absolutos, o Aeroporto de Congonhas, localizado na capital paulista, é o campeão com a projeção de 1.258.457 passageiros e 8.949 voos. O segundo lugar ficou com Aeroporto de Santos Dumont, no Rio de Janeiro, que deve registrar a passagem de 766.122 pessoas, além de 5.757 pousos e decolagens.

Já o terceiro lugar ficou com o Aeroporto Internacional Julio Cézar Ribeiro, em Belém, onde são esperados 184.801 passageiros e 1.355 voos nesse período de festas. 


R7 e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário