quarta-feira, 16 de novembro de 2022

Polônia confirma que "míssil de fabricação russa" atingiu seu território

 Governo informou que embaixador russo foi convocado para dar explicações em Varsóvia


O governo da Polônia confirmou, na noite desta terça-feira, que um projétil de fabricação russa caiu em seu território e matou duas pessoas. A ocorrência foi registrada na cidade fronteiriça de Przewodow, segundo o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Polônia, Lukasz Jasina.

"Um míssil de fabricação russa caiu, matando dois cidadãos da República da Polônia", detalhou Jasina em comunicado, acrescentando que o embaixador russo em Varsóvia foi convocado para pedir "explicações detalhadas" sobre o ocorrido.

A Rússia, por sua vez, emitiu comunicado em que garante que não houve disparos em áreas próximas ao território polonês. A chancelara russa afirma que relatos são "provocações" que podem gerar escalada no confronto com a Ucrânia.

Nesta terça, a Rússia disparou uma série de mísseis contra Kiev e outras cidades ucranianas. A ofensiva deixou metade da população da capital sem energia, poucos dias depois da humilhante retirada das forças de Moscou do sul do país. 

Segundo o exército ucraniano, a Rússia lançou uma centena de mísseis, "do Mar Cáspio", da "região [russa] de Rostov" e "do Mar Negro", principalmente "contra infraestruturas energéticas". 

A presidência ucraniana afirmou que a situação da rede elétrica em todo o país é “crítica”.  Em Kiev, os ataques deixaram pelo menos um morto e privaram "metade" dos habitantes de eletricidade, disse o prefeito, Vitali Klitschko, no Telegram.


AFP e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário