segunda-feira, 25 de julho de 2022

Bolsonaro convoca apoiadores para irem às ruas no dia 7 de setembro

 


Durante o lançamento oficial da sua candidatura à reeleição na manhã deste domingo (24), no Rio, o presidente Jair Bolsonaro (PL) convocou os seus apoiadores para irem às ruas no dia 7 de setembro, data da proclamação da Independência do Brasil.

“Nós somos maioria, nós somos do bem, nós temos liberdade para lutar pela nossa Pátria. Convoco todos vocês agora para que, todo mundo, no 7 de setembro, vá as ruas pela última vez”, disse Bolsonaro.

“Esses poucos surdos de capa preta têm que entender o que é a voz do povo. Têm que entender que quem faz as leis é o Poder Executivo e o Legislativo. Todos têm que jogar dentro das quatro linhas da Constituição. Interessa para todos nós. Não queremos o Brasil dominado por outra potência. E temos outras poucas potências de olho no Brasil”, declarou o presidente em uma crítica aos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal).

O presidente também prometeu respeitar a Constituição e garantir a liberdade de imprensa no País; reforçou o papel do setor agrícola na economia brasileira; afirmou que distribuiu 300 mil títulos de terra a trabalhadores do campo; destacou o trabalho na recuperação de estradas, na abertura de novas ferrovias e o investimento para trazer a tecnologia 5G para o Brasil; e disse que o governo buscou parcerias com a Rússia para não faltar fertilizantes para a agricultura.

Ovacionado pelo público, Bolsonaro discursou, ao lado da primeira-dama, Michelle, por mais de uma hora no Maracanãzinho, na Zona Norte do Rio. Michelle também falou por cerca de 13 minutos aos apoiadores do marido.

A convenção do PL confirmou o nome do general Walter Braga Netto para a vaga de vice na chapa de Bolsonaro. O militar se filiou ao partido em março deste ano.

O Sul

Nenhum comentário:

Postar um comentário