segunda-feira, 23 de maio de 2022

O desperdício do dinheiro público em Porto Alegre, por Lúcio Machado Borges*

 




Na última sexta-feira (20/05), abri a caixa de correspondência e dei de cara com um folheto do vereador Jonas Reis (PT). Não posso acreditar que em 2022, na Era Digital, políticos continuem desperdiçando o dinheiro dos pagadores de impostos com folhetos cheios de notícias falsas ou fake News, que é o termo da moda.

            Uma das coisas que ele fala neste folheto é que Porto Alegre foi uma referência mundial nos 16 anos do PT em Porto Alegre. Ele deveria informar que as sessões do Orçamento Participativo continha militantes do partido que iam sempre votar, de acordo com as ordens do partido que estava no poder na época. Ou seja, a coisa não era tão “democrática” assim, já que era manipulado.

            Acredito que Jonas Reis “esqueceu” de informar no folheto que ao término  dos 16 anos de poder do PT em Porto Alegre, a prefeitura estava quebrada e no CADIN (Cadastro Informativo de Créditos não Quitados). O prefeito que assumiu na época José Fogaça (PMDB), foi quem tirou a prefeitura dessa situação vexatória e calamitosa.

            Jonas Reis também fala no folheto que o prefeito Sebastião Melo (MDB) quer aumentar a passagem de ônibus para R$ 5,70. O que o prefeito Sebastião Melo mais tem feito é lutar para impedir o aumento das passagens de ônibus.

            Gostaria de saber do vereador Jonas Reis como ele votou em relação ao reajuste de 14,79% nos salários dos vereadores. Já que ele é tão “zeloso” pelo dinheiro dos pagadores de impostos, vai devolver o valor excedente aos cofres públicos?

            Como todo petista, fala demais, exerce somente a “política do só ser contra”, mas não faz nada de positivo para a População de Porto Alegre. Se ele fizesse algo de positivo pela cidade, tenho certeza que teria incluído as suas ações positivas no folheto. Lamentável que pessoas assim como ele ainda consigam se eleger em pleno século 21, utilizando bandeiras demagógicas, típica de gente de esquerda.

 

*Editor do site RS Notícias


Nenhum comentário:

Postar um comentário