sábado, 22 de janeiro de 2022

Apenados incendeiam colchões em motim na Penitenciária de Uruguaiana

 Três presos e um servidor precisaram de atendimento por inalar fumaça


Detentos da Penitenciária Modulada de Uruguaiana fizeram uma rebelião na noite desta sexta-feira. Segundo o sindicato dos penitenciários (Amapergs), o princípio de motim, que resultou na queima de colchões e um princípio de incêndio atingiu os seis módulos e começou por volta das 20h.

Conforme servidores do presídio, de longe, era possível ver o fogo que foi ateado em três locais do estabelecimento prisional. A rebelião teria ocorrido, de acordo com a Amapergs, depois dos detentos serem informados de que visitas estariam suspensas neste final de semana.

Isto gerou descontentamento nos apenados que iniciaram o protesto. Três presos e um servidor precisaram de atendimento após inalarem muita fumaça. Outros dois apenados tiveram escoriações ao serem atingidos por munição não-letal, enquanto agentes da Susepe atuavam para conter a rebelião.

Foram mobilizados o 6° Batalhão de Polícia de Choque da Brigada Militar, integrantes do Gaes, o grupo de elite da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), e do Corpo de Bombeiros. As chamas foram controladas antes do fim da noite.

O presidente da Amapergs, Saulo Basso, se dirigiu com comitiva até a penitenciária para acompanhar os procedimentos ao longo da madrugada. De acordo com ele, a situação estava "equacionada" no local, mas ainda existiam preocupações.


Correio do Povo


Rio Grande do Sul terá calor excepcional com marcas históricas neste sábado


Coronavac é incluída no plano de vacinação contra Covid-19 para crianças


Em duas semanas, internações por Covid-19 aumentam 154,2% em Porto Alegre

SP e Rio anunciam adiamento dos desfiles de carnaval para abril


Grêmio e Douglas Costa acertam detalhes para meia deixar o Grêmio


Anvisa realiza reunião com governo para decidir sobre autotestes de Covid-19


Banco Central comunica vazamento de dados pessoais com 160 mil chaves Pix da Acesso


Brasil registra 358 mortes e 166.539 novos casos de Covid-19 em 24h


Bolsonaro sanciona Orçamento de 2022, diz Secretaria-Geral


Colombiano sequestrado é libertado de cativeiro no Centro de Porto Alegre


Ministra pede à PF informações a respeito de inquérito sobre Bolsonaro


Rio Grande pede termo de consentimento para vacinar crianças de 5 a 11 anos contra Covid-19


Dívidas do Simples poderão ser pagas ou renegociadas até 31 de março


EPTC amplia horários de linhas do transporte coletivo em Porto Alegre



Brasil está no mesmo lugar de antes da pandemia, diz Guedes


Morre aos 85 anos Elton Jaeger, jornalista pioneiro do automobilismo no RS


Bolsonaro passa noite em Eldorado após enterro da mãe


Alvo do Grêmio, atacante Sorriso é anunciado pelo Red Bull Bragantino


Anac autoriza empresa a usar drones para fazer entregas no país



Direção do Grêmio descarta busca por reposição mesmo com saída de Douglas Costa



Ataque saudita contra prisão no Iêmen deixa ao menos 200 mortos


Cantinho da Lagoa é alternativa de lazer e sossego em Cidreira



Nenhum comentário:

Postar um comentário