sexta-feira, 16 de julho de 2021

Prêmio Nobel da Paz, bengali Muhammad Yunus receberá Laurel Olímpico

 Criador do primeiro banco de microcrédito do mundo, Yunus receberá seu prêmio na cerimônia de abertura dos Jogos de Tóquio


Muhammad Yunus, um economista e empresário bengali ganhador do Prêmio Nobel da Paz de 2006, receberá o Laurel Olímpico, uma distinção concedida pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) – anunciou o órgão nesta quinta-feira. O prêmio destaca pessoas que deram "uma contribuição notável à visão, aos ideais, ou aos valores do olimpismo nos campos da educação, da cultura, do desenvolvimento e da paz pelo esporte", disse o COI, em um comunicado.

Criador do primeiro banco de microcrédito do mundo, Yunus receberá seu prêmio na cerimônia de abertura dos Jogos de Tóquio, em 23 de julho. "Os Jogos Olímpicos unem o mundo em uma competição pacífica, celebrando a unidade na diversidade (...) Podemos usar esse poder para mudar o mundo de forma efetiva", declara Yunus, no mesmo comunicado.

Apelidado de "banqueiro dos pobres", Yunus, de 81 anos, foi agraciado com o Prêmio Nobel da Paz de 2006 pela criação, nos anos 1980, do Banco Grameen, o primeiro banco de microcrédito. O primeiro Laurel Olímpico foi entregue ao queniano Kip Keino, nos Jogos do Rio, em 2016, e é concedido em todas as edições dos Jogos Olímpicos de Verão.


AFP e Correio do Povo


Time Brasil já tem 140 atletas treinando no Japão para as Olimpíadas


Grêmio busca reforços para o meio e o ataque



No sufoco, Flamengo vence o Defensa y Justicia pela Libertadores na estreia de Renato Portaluppi


Brasil espera ganhar 20 medalhas em Tóquio, graças a novas modalidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário