quarta-feira, 7 de julho de 2021

Prefeitura planeja isentar de impostos empresas que preservarem e ocuparem prédios no Centro

 Projeto de lei será enviado à Câmara e focará em estabelecimentos voltados para a economia criativa em Porto Alegre



Visando avançar na revitalização do Centro Histórico, a prefeitura de Porto Alegre encaminhará à Câmara Municipal um projeto de lei prevendo isenção de impostos para empresas que preservarem e ocuparem os prédios no local. A informação foi confirmada pelo secretário de Planejamento e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer, em live ao lado do prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo, nesta terça-feira.

Segundo o Executivo, a medida vale para os prédios "belíssimos, históricos e com valor arquitetônico" que fazem parte do patrimônio da cidade. "Utilizarei como exemplo a Confeitaria Rocco, que está fechada e se degradando. É um espaço nobre. Por isso, vamos encaminhar esse projeto de lei. A isenção de impostos e taxas municipais vão valer para quem preservar e instalar nesses locais atividades econômicas, culturais, gastronômicas, principalmente, vinculadas a economia criativa.", explicou Schirmer.

O secretário citou restaurantes temáticos, coworkings, escolas de língua e música, como possíveis atividades que funcionariam nesses ambientes. "O que dá vida ao espaço público é gente e o que leva gente a este espaço público são atrativos de diferentes naturezas. De dia de noite”, acrescentou. O projeto ainda precisa de "alguns ajustes", mas deve ser encaminhado nas próximas semanas.

Na live, a prefeitura também explicou o plano de ação para evoluir – de fato – na preservação do Centro Histórico. "Vamos centralizar a coordenação e descentralizar a operação. Dividimos em ações imediatas/urgentes e de médio/longo prazo. As imediatas são aquelas para a população sentir que o processo está evoluindo. Por exemplo, a Fonte Talavera na frente do Paço Municipal, que está linda e foi revitalizada", reiterou Schirmer.

Os planos para a segurança do local são ambiciosos. Conforme o secretário de Planejamento e Assuntos Estratégicos, o Centro Histórico de Porto Alegre será o espaço mais seguro do Rio Grande do Sul e do Brasil nos próximos quatro meses. "Estamos trabalhando dando visibilidade para a Guarda Municipal e instalando câmeras com capacidade de reconhecimento facial', exemplificou. 

Correio do Povo


Gabriel Jesus é suspenso por dois jogos e desfalca seleção na final da Copa América

Nenhum comentário:

Postar um comentário