quinta-feira, 24 de dezembro de 2020

Grêmio vence São Paulo e garante vantagem com gol de Diego Souza

 Equipe de Renato Portaluppi joga por um empate na semana que vem após vencer na Arena por 1 a 0



O Grêmio abriu mão de suas características para vencer o São Paulo na noite desta quarta-feira, no primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil, na Arena. Entregou a bola ao adversário e, mesmo com número inferior de finalizações, soube aproveitar a chance que teve e bateu o rival pelo placar de 1 a 0, largando em vantagem na briga por uma vaga na decisão da competição nacional.

O único gol do jogo foi marcado no segundo tempo. Após jogada de Ferreira, o artilheiro Diego Souza marcou de voleio e decidiu a vitória em favor do Tricolor.

Com o resultado, o Grêmio joga por um empate para disputar mais uma final de Copa do Brasil em sua história. O jogo de volta acontece na próxima quarta-feira, 30 de dezembro, às 21h30min, no Morumbi. 

Agora, o Tricolor volta as atenções para o Campeonato Brasileiro. Enfrenta o Atlético-GO, no domingo, às 20h30min, na Arena, em jogo válido pela 27ª rodada da competição.

Primeiro tempo truncado na Arena

A expectativa era de que Renato Portaluppi iniciasse a partida com Ferreira aberto na ponta, já que Luiz Fernando não pode atuar pela Copa do Brasil. No entanto, o treinador optou por Thaciano, jogador de confiança, e que vinha sendo utilizado ao longo das partidas. 

Logo aos 9 minutos, o Tricolor até chegou ao gol. Após cruzamento em cobrança de falta pela direita, Victor Ferraz desviou e a bola foi para o gol. No entanto, o árbitro anulou o lance por conta de posição irregular de Diego Souza que, segundo a arbitragem, teria atrapalhado o goleiro Thiago Volpi.

A partida foi picoteada desde o início. O árbitro teve dificuldades de se impor disciplinarmente, e deixou o jogo correr demais, com excesso de faltas duras especialmente por parte dos jogadores do São Paulo. Foram dois cartões na etapa inicial, um para cada lado, para Bruno Alves, e Thaciano. 

Por conta do jogo truncado, as duas equipes praticamente não finalizaram a gol. Aos 32, no único chute, o Grêmio ainda saiu no prejuízo. Geromel roubou a bola e arriscou de fora da área. No entanto, sentiu o músculo posterior da coxa esquerda e precisou ser substituído por Rodrigues.

Diferente de sua característica, o Grêmio mal ficou com a bola no primeiro tempo. Teve apenas 34% do tempo total, enquanto o São Paulo trocou muito mais passes. Apesar de ter o controle, o time do Morumbi não criou chances, e a partida foi ao intervalo empatada em 0 a 0. 

Diego Souza marca e Grêmio vence

O São Paulo voltou melhor para a segunda etapa. Logo aos cinco minutos, após boa trama pela direita, Daniel Alves tentou cruzamento rasteiro para Brenner, que não chegou inteiro para finalizar. Depois, aos 11, Luciano desperdiçou, batendo por cima do travessão, saindo na cara do gol de Vanderlei.

Para tentar mudar o cenário, Renato optou por lançar a campo Ferreira e Lucas Silva. E foi o jovem, cotado para iniciar a partida, que construiu a jogada do gol em seu primeiro toque na bola. Foi ao fundo pela direita e cruzou para o meio da área. Após bate e rebate, ela ficou viva e Diego Souza, de voleio, mandou para as redes para fazer 1 a 0 na Arena.

O São Paulo pouco conseguiu fazer para tentar reagir. O técnico Fernando Diniz mudou, mas a posse de bola dos visitantes era inócua. Rodou a bola no campo de defesa sem conseguir vencer a marcação, mesmo com as entradas de Tchê Tchê e Toró.

No fim, o São Paulo ainda teve a chance de empatar. Aos 48 minutos, após cruzamento, Brenner cabeceou forte. Vanderlei fez grande defesa e manteve o placar. Assim, a partida acabou mesmo em 1 a 0, com o Grêmio em vantagem na briga por uma vaga na decisão.

Copa do Brasil - jogo de ida da semifinal

Grêmio 1 

Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel (Rodrigues), Kannemann e Diogo Barbosa; Darlan (Ferreira), Matheus Henrique, Thaciano (Lucas Silva), Pepê e Jean Pyerre (Everton). Diego Souza (Churin). Técnico: Renato Portaluppi

São Paulo 0 

Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves (Vitor Bueno) e Reinaldo; Luan, Gabriel Sara, Igor Gomes (Toró) e Daniel Alves; Luciano (Tchê Tchê) e Brenner. Técnico: Fernando Diniz. 

Gol: Diego Souza (17min/1ºT)

Cartões amarelos: Thaciano, Vanderlei e Matheus Henrique (Grêmio); Bruno Alves Vitor Bueno, Reinaldo, Gabriel Sara e Daniel Alves (São Paulo)

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS) 

Data e hora: 23/11, às 21h30min


Correio do Povo


Sol predomina em todo o RS na véspera de Natal


Pazuello diz que cronograma de vacinação é “mutável”


Butantan adia pela 2ª vez pedido de registro da CoronaVac


Na véspera do Natal, Melo anunciará mais secretários


Área Azul é ampliada para mais mil pontos em Porto Alegre


Governo avalia se vai estender corte de salários


Aneel aciona bandeira amarela para janeiro


Baleia Rossi vai se reunir com partidos de oposição aliados de Maia na próxima semana


Sambaquis de Xangri-Lá recebem medidas de proteção efetiva


Unipampa disponibiliza oito ultracongeladores para armazenamento de vacina contra Covid-19


"Não foi mera prorrogação de alíquotas", diz secretário da Fazenda do RS


Desemprego atinge 14 milhões, maior nível desde início da pandemia, diz IBGE


Com fatores técnicos, dólar fecha em alta pelo quarto dia consecutivo, a R$ 5,19


Boca vence Racing por 2 a 0 e vai às semifinais da Libertadores


Argentina reforça controle de entrada e suspende voos devido a nova cepa da Covid-19


Novos controladores eletrônicos de trânsito entram em operação na segunda em Porto Alegre




Nenhum comentário:

Postar um comentário