quarta-feira, 23 de dezembro de 2020

Fiscalização reforçada nas rodovias gaúchas para o feriadão de Natal

 Com aumento de fluxo, são esperados momentos de lentidão nas rodovias a partir desta quarta-feira



Mesmo em tempos de pandemia, os órgãos de segurança do Estado reforçarão a fiscalização nas rodovias do Rio Grande do Sul, nas esferas municipal, estadual e federal, no feriadão de Natal. Por conta da Covid-19, não se trabalha com previsão de tráfego entre os dias 23 e 28 de dezembro deste ano.

A expectativa, no entanto, é de aumento de fluxo durante a tarde e a noite desta quarta-feira, manhã de quinta-feira e durante a tarde e a noite de domingo (27). São esperados pontos de lentidão nas rodovias da região metropolitana de Porto Alegre, em especial BR 290 (trecho da freeway e de Eldorado do Sul), BR 116 (trecho entre a capital e a serra gaúcha, e trecho entre Guaíba e Barra do Ribeiro) e BR 386 (entre Canoas e Lajeado).

Segundo o comandante do Comando Rodoviário Brigada Militar (CRBM), coronel José Henrique Gomes Botelho, haverá reforço no efetivo no Litoral Norte e Sul e águas internas. “Tendo por base os feriados de novembro, prevemos para dezembro um deslocamento de pessoas às praias não muito diferente de outros anos, apesar da pandemia”, projeta.

Até por esperar um movimento dentro do padrão, Botelho reitera os cuidados que os motoristas precisam ter na estrada: “Não tenham pressa para chegar aos seus destinos, tenham paciência. Evitem utilizar o celular ao volante. Todos os ocupantes devem usar cinto de segurança. Prestem atenção à velocidade. E cuidem ao fazer ultrapassagens, porque o maior número de acidentes são as colisões frontais”, lembra o comandante do CRBM. O coronel ressaltou, ainda, que, mesmo na praia, é necessário continuar com os protocolos sanitários para conter o avanço da Covid-19.

O Detran/RS, dentro da Operação RS Verão Total do governo estadual, estendeu a Balada Segura para o litoral, onde há blitze educativas, com foco na prevenção à Covid-19, e também com ações de fiscalização dos motoristas, junto da Polícia Civil e Brigada Militar. Todas as abordagens serão filmadas. A presença da BM na orla das praias será ampliada, por meio de seis bases móveis comunitárias que estão sendo instaladas em Torres, Capão da Canoa, Xangri-lá, Tramandaí e Cidreira.

Já o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) averiguará as condições dos veículos e o cumprimento das regras de ocupação. De acordo com o diretor de Transportes Rodoviários da autarquia, Lauro Hagemann, uma equipe de 34 fiscais monitorarão ônibus, micro-ônibus e vans clandestinas. “Além de colocar a saúde em risco em razão do coronavírus, as pessoas poderão ficar desprotegidas quanto às condições do veículo e das obrigações legais das transportadoras”, alerta.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) fará operações integradas com outros órgãos, com reforço nas escalas e policiamento especializado. Helicópteros, drones, motocicletas e tecnologia da informação farão parte da rotina durante a Operação Rodovida 2020/2021, que ocorrerá até 21 de fevereiro de 2021. Lançada no RS na última sexta-feira, a iniciativa terá um foco no trânsito, com atividades de fiscalização, prevenção de acidentes e educação, e ações nas áreas de saúde e infraestrutura. Além disso, além disso continuará no combate ao crime, visando a segurança dos usuários das rodovias, com presença ostensiva dos policiais em ações baseadas em informações de inteligência.

Entre as dicas da PRF para os condutores que pegarão a estrada no feriadão é que estejam descansados, sem ter ingerido bebida alcoólica, e que respeitem a sinalização e as regras de trânsito. Os veículos devem estar devidamente revisados, principalmente com relação a pneus, freio e suspensão. Importante também que sejam verificadas as condições do limpador de para-brisa, da iluminação e da sinalização.

Em parceria com a PRF e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), a CCR ViaSul iniciou a sua Operação Verão 2020/2021. Entre as ações, está a liberação do acostamento como faixa adicional de tráfego nos dois sentidos da freeway como forma de auxiliar o trânsito nos locais de maior movimento e de fluxo mais intenso. Realizada em conjunto com a PRF, a liberação acontecerá, quando necessária, do km 75 (Gravataí) ao km 26 (Santo Antônio da Patrulha), no sentido litoral. Já no sentido capital, a liberação será entre os kms 1,5 (Osório) e 75 (Gravataí).

A concessionária prevê ainda a realização da Operação Papa Fila, cobrança antecipada da tarifa de pedágio aos veículos que aguardam na fila das cabines manuais, para agilizar a fluidez no tráfego. Em virtude da pandemia, a CCR ViaSul também não faz projeção de movimento da freeway. A empresa informa, ainda, restrições em algumas faixas por conta de obras nos dias 24, 25 e 31 de dezembro, das 8h às 22h, e no dia 1º de janeiro de 2021, das 6h às 22h. 


Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário