sexta-feira, 7 de agosto de 2020

Sapucaia do Sul (RS) altera medidas restritivas, mas mantém interdição de praças e parques

Com a alteração, os serviços e estabelecimentos comerciais não essenciais, assim como restaurantes, poderão funcionar, mas seguindo restrições, como dias e horários de atendimento

Linck reforça que protocolos de prevenção, como uso de máscara, higienização e distanciamento seguem obrigatórios

O prefeito de Sapucaia do Sul, Luis Rogério Link, assinou novo decreto alterando algumas medidas restritivas adotadas por municípios que se estão em área de bandeira vermelha, conforme flexibilização assinalada pelo Governo do Estado. Com a alteração, os serviços e estabelecimentos comerciais não essenciais, assim como restaurantes, poderão funcionar, mas seguindo restrições, como dias e horários de atendimento. Conforme determina documento, comércio e serviços não essenciais poderão funcionar com atendimento presencial, de quarta-feira a sábado, das 10h às 16h, respeitando a ocupação de 25%. 
Os restaurantes poderão servir, no local, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h, reforçando os protocolos obrigatórios, como higienização e distanciamento entre as mesas. É permitido a presença de 50% dos trabalhadores e lotação de até 25% da capacidade do estabelecimento. Fica autorizado apenas que sejam servidos pratos a la carte e prato feito (buffets seguem proibidos). Lanchonetes poderão funcionar exclusivamente com tele-entrega, pague e leve e drive thru, não sendo permitido que as pessoas consumam alimentos no local. 
Linck reforça que os protocolos de prevenção, como uso de máscara, higienização e distanciamento entre pessoas seguem obrigatórios. Segue valendo a interdição de praças e parques, em todos os dias da semana, enquanto durar a pandemia.

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário