AdsTerra

banner

terça-feira, 12 de março de 2024

Técnico europeu é demitido por dar cabeçada em jogador rival

 Roberto D'Aversa acertou atacante do Verona Thomas Henry na Itália



O técnico do Lecce Roberto D'Aversa, que deu uma cabeçada no atacante do Verona Thomas Henry no jogo entre as equipes no domingo, pelo Campeonato Italiano, foi demitido, anunciou o clube nesta segunda-feira. 'Após os acontecimentos do final do jogo Lecce-Verona, o clube anuncia a demissão do técnico D'Aversa', escreveu o Lecce em um comunicado na rede social X.

Os incidentes começaram ao término da partida, vencida pelo Verona por 1 a 0, com empurrões entre jogadores e comissões técnicas das duas equipes. Henry, ao lado de seus companheiros, se dirigia ao vestiário quando D'Aversa foi até ele e lhe deu uma cabeçada. O atacante francês, atingido no rosto, foi expulso pelo árbitro, assim como o técnico do Lecce.

'Fui até o campo para impedir que meus jogadores fossem expulsos. Houve muita provocação dos jogadores do Verona nos últimos minutos do jogo e após o apito final', explicou D'Aversa ao canal Sky Sport.

'Não foi um gesto bonito, reconheço. Não tem desculpa, me expliquei com o pessoal do Verona, mas não entrei no campo para fazer esse gesto', acrescentou.

Nas redes sociais, D'Aversa se desculpou depois em uma mensagem a Henry, ao Hellas Verona, aos dirigentes e torcedores de seu clube e ao futebol italiano.'Eu me deixei levar pelo contexto e perdi a lucidez, mas não ao ponto de agredir outra pessoa', escreveu, considerando que não deu uma cabeçada. 'Foi um contato físico, cabeça com cabeça', afirmou.

Henry também publicou uma mensagem nas redes sociais na qual disse que recebeu uma cabeçada: 'Nada justifica e nunca vai justificar receber uma cabeçada no caminho até o vestiário. Estamos felizes por termos conseguido os três pontos'.D'Aversa, de 48 anos, estava no Lecce desde junho de 2023, depois de ter passado por Parma (2016-20) e Sampdoria (2021-22).

AFP e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário