AdsTerra

banner

domingo, 24 de março de 2024

Kiev rejeita acusação russa de que agressores de Moscou têm vínculo com a Ucrânia, diz assessor presidencial

 Ataque deixou mais de 100 mortos na capital russa

Ataque deixou mais de 100 mortos na Rússia 

O assessor presidencial ucraniano, Mikhaílo Podoliak, negou neste sábado a acusação da Rússia de que os supostos autores do ataque em Moscou, que deixou mais de 100 mortos, tivessem qualquer vínculo com a Ucrânia.

"As versões dos serviços especiais russos sobre a Ucrânia são absolutamente insustentáveis e absurdas", escreveu Podoliak na rede social X, depois que os serviços de segurança russos (FSB) afirmaram que os suspeitos de cometer o ataque mortal na sexta-feira "tinham contatos" na ex-república soviética, para onde planejavam fugir.

AFP e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário