terça-feira, 19 de julho de 2022

Twitter responde à moção de Elon Musk contra julgamento acelerado

 Empresa de mídia social alega que bilionário prejudica a companhia todos os dias em que viola o acordo de fusão



O Twitter respondeu nesta segunda-feira à moção de Elon Musk contra o pedido da empresa de acelerar um julgamento sobre sua intenção de encerrar a aquisição da companhia por US$ 44 bilhões, dizendo que "falha em todos os níveis".

A empresa de mídia social disse em um processo legal na Corte de Chancelaria de Delaware que a disputa pública prejudica o Twitter todos os dias em que Musk viola o acordo de fusão e reiterou que o tribunal deve marcar o julgamento em setembro, em um cronograma acelerado.

Uma audiência remota está marcada para a manhã desta terça-feira sobre o pedido do Twitter para agilizar o caso.

Agência Estado e Correio do Povo


Sport tem noite de bronca com Lisca e empata com o lanterna Vila Nova


Risco de tombamento de carga altera funcionamento do Trensurb na noite desta segunda-feira


Álbum da Copa do Mundo do Catar tem data de chegada às bancas definida


Oftalmologista alerta sobre riscos da extensão de cílios para a saúde dos olhos


Pioneiro do Pop Art, escultor Claes Oldenburg morre aos 93 anos


Morre Delia Giovanola, fundadora da organização argentina Avós da Praça de Maio

Nenhum comentário:

Postar um comentário