domingo, 26 de dezembro de 2021

Preço da gasolina comum nos postos está em queda há cinco semanas

 Segundo levantamento da ANP, valor médio da gasolina comum reduziu sete centavos nesse intervalo



O valor médio da gasolina comum nos postos do Brasil caiu pela quinta semana consecutiva, de acordo com uma pesquisa de preços feita pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Segundo o órgão, na semana de 12 a 18 de dezembro, o preço médio do combustível baixou de R$ 6,708 para R$ 6,679. A ANP ouviu 4.576 postos para fazer o levantamento.

Desde a semana terminada em 13 de novembro, o valor médio da gasolina comum está em queda. Naquela data, o litro do combustível era vendido a R$ 6,754, sete centavos mais caro do preço praticado na semana passada.

A gasolina aditivada também diminuiu de preço. De acordo com a ANP, já são quatro semanas seguidas de queda. No último levantamento, o litro da gasolina aditivada reduziu de R$ 6,867 para R$ 6,831. O preço vem caindo desde 20 de novembro, quando a gasolina aditivada custava R$ 6,91 em média, oito centavos a mais.

No último dia 14, a Petrobras anunciou uma redução de 3% do preço da gasolina nas refinarias, uma queda média de R$ 0,10 por litro. Segundo a empresa, o preço para as distribuidoras passou de R$ 3,19 para R$ 3,09 por litro.

Ao longo de 2021, o presidente Jair Bolsonaro (PL) foi duramente criticado pela quantidade de vezes que a Petrobras anunciou reajustes no preço dos combustíveis. Neste ano, a estatal aumentou o preço da gasolina 11 vezes e o do diesel em nove ocasiões.

Recentemente, o chefe do Executivo chegou a criticar a política adotada pela Petrobras para definir o preço de comercialização dos combustíveis no Brasil, a política de paridade internacional (PPI).

A medida faz com que os preços da gasolina, do etanol e do óleo diesel acompanhem a variação do valor do barril de petróleo no mercado internacional, bem como a do dólar.

R7 e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário