quinta-feira, 14 de outubro de 2021

Inter vence o América-MG e mantém perseguição ao G6 do Campeonato Brasileiro

 Patrick, duas vezes, e Yuri Alberto definiram triunfo por 3 a 1 no Beira-Rio


O Inter até levou um susto. Saiu na frente cedo, mas logo tomou o empate diante de um visitante organizado. No entanto, teve paciência para construir a vitória por 3 a 1 diante do América-MG no segundo tempo, no Beira-Rio, na noite desta quarta-feira. Com o resultado, o colorado segue na perseguição ao G6 do Brasileirão, subindo para 39 pontos na tabela, um a menos que o Corinthians, primeiro dentro da zona de classificação. 

Os dois gols do Inter foram marcados por Patrick, um em cada tempo, e Yuri Alberto. O de honra do América-MG foi anotado por Ademir. O Colorado volta a campo no domingo, quando enfrenta o Palmeiras, às 16h. O confronto, válido pela 27ª rodada, acontece no Allianz Parque.

Inter sai na frente, mas cede empate em seguida

Sem o zagueiro Bruno Méndez, que ficou fora da partida por uma lesão muscular comunicada pelo Inter na véspera do jogo, o técnico Diego Aguirre não conseguiu repetir a escalação da goleada por 5 a 2 sobre a Chapecoense, como gostaria. Para o lugar dele, na defesa, o escolhido foi Gabriel Mercado. As outras 10 posições foram mantidas pelo comandante. 

Apesar de jogar fora de casa, foi o América-MG quem se sentiu mais à vontade nos minutos iniciais. Acionando especialmente Ademir, nas costas de Moisés, que sofreu na marcação no começo do jogo, o Coelho levou vantagem pela direita. Conseguiu escanteios em sequência e mal deixou o Inter ficar com a bola. 

No entanto, na primeira chegada, o Inter conseguiu abrir o placar. Aos 14, Rodrigo Dourado foi inteligente e cobrou falta rapidamente, em uma cavadinha buscando a movimentação dentro da área. Patrick se infiltrou nas costas da defesa e, de primeira, de perna esquerda, apareceu para volear. A bola estufou as redes de Matheus Cavichioli, fazendo 1 a 0 para o colorado em um golaço.

O América-MG não sentiu o gol e sequer deixou tempo para o Inter comemorar. Bem postado como estava, foi para cima novamente pela esquerda, dois minutos depois de levar o empate. Após bate-rebate, quando Cuesta tentou afastar e espanou em cima de Dourado, ela se apresentou para Ademir. Em boa fase, ele finalizou sem tanta força, mas contou com contribuição do goleiro Daniel para empatar o jogo em 1 a 1.

Minutos depois, o América-MG quase virou. Fabricio foi acionado na cara de Daniel, que precisou sair rápido para fechar o ângulo e evitar o gol. Depois do susto, no entanto, o Inter voltou a equilibrar as ações. Assim, terminou o primeiro tempo conseguindo ocupar mais o campo adversário, ainda que não tenha produzido o suficiente para terminar na frente antes do intervalo.

Patrick volta a marcar, e Yuri define a vitória

Para a segunda etapa, o técnico Diego Aguirre precisou fazer uma troca. Rodrigo Lindoso, que já estava sentindo desconforto desde o primeiro tempo, foi substituído. No lugar dele na função de volante o escolhido foi Johnny.

Bem marcado no primeiro tempo, o atacante Yuri Alberto teve mais liberdade no início da etapa final, sendo mais acionado. Nos primeiros 15 minutos, foram dois cruzamentos, um rasteiro pela direita e um alto pela esquerda, na direção do centroavante. Em nenhuma das oportunidades, no entanto, a finalização foi boa o suficiente para recolocar o Inter em vantagem.

Na sua última participação na partida antes de ser substituído por Caio Vidal, Mauricio deu grande assistência para ajudar a recolocar o Inter em vantagem. Da direita, cruzou para Patrick, muito bem posicionado. O goleiro Matheus Cavichioli tomou a decisão equivocada de sair do gol, e foi vencido pelo meia colorado, que mandou para o fundo das redes de cabeça, anotando seu segundo no jogo.

O autor dos gols, no entanto, não conseguiu resistir muito tempo dentro da partida, e virou dor de cabeça para Aguirre e preocupação para os torcedores. Sentindo, caiu no gramado e precisou ser substituído. Bastante aplaudido pelo público que volta ao Beira-Rio, deixou o campo para a entrada do lateral Paulo Victor. 

No fim, o América-MG pareceu cansar. O ímpeto inicial de chegar à frente foi diminuindo e, o Inter manteve a marcação ajustada até o fim. Ainda houve tempo para Yuri Alberto, no fim, fazer o terceiro. Após jogada trabalhada pelo meio, a bola chegou a Caio Vidal, que cara a cara com o goleiro, colocou a bola no travessão. No rebote, o centroavante apareceu para conferir de cabeça. Assim, o Colorado construiu a vitória por 3 a 1, a segunda consecutiva sob o olhar do público no Beira-Rio, e seguir a perseguição ao G6 do Brasileirão, com um ponto a menos que o Corinthians. 

Campeonato Brasileiro - 27ª rodada

Inter 3

Daniel; Saravia, Mercado, Cuesta e Moisés; Dourado, Lindoso, Mauricio, Taison e Patrick; Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre

América-MG 1

Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva e Lucas Kal; Marlon, Juninho, Juninho Valoura e Felipe Azevedo; Ademir e Fabricio Daniel. Técnico: Vagner Mancini

Gols: Patrick (14/1T, 18/2T), Ademir (16/2T) e Yuri Alberto (45/2T)

Cartões amarelos: Felipe Azevedo e Ribamar (América-MG) 

Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Data e hora: 13/10, às 21h30min

Público: 9.711 torcedores

Renda: R$ 426.440,00


Correio do Povo


ANS determina instauração de auditoria interna na Prevent Senior

Nenhum comentário:

Postar um comentário