sexta-feira, 6 de novembro de 2020

Grêmio vence Juventude com gol de Thaciano e avança na Copa do Brasil

 Tricolor levou sustos, mas melhorou a partir da entrada de Jean Pyerre e garantiu vaga nas quartas de final


Com gol de Thaciano, o Grêmio voltou a vencer o Juventude por 1 a 0, nesta quinta-feira, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, e garantiu vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. Agora, o Tricolor fica de olho no sorteio desta sexta-feira, às 11h30min, para conhecer o seu adversário na próxima fase da competição.

Depois de uma primeira etapa de pouco futebol gremista, a equipe de Renato Portaluppi levou sustos do Verdão da Serra no começo do segundo tempo, mas melhorou a partir da entrada de Jean Pyerre, que deu maior movimentação ao meio-campo do time. Aos 25 minutos, em lance que começou com o camisa 21, Diego Souza deu lindo cruzamento e Thaciano apareceu para abrir o placar.

A preocupação do lado tricolor na partida ficou por conta de Maicon, que sentiu lesão ainda no primeiro tempo, aos 40 minutos e precisou ser substituído. O jogador alegou dores na virilha em lance sozinho e deverá ser reavaliado. 

Os confrontos da próxima fase serão definidos nesta sexta-feira, às 11h30min, na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Com todos podendo enfrentar todos, a divisão definirá o chaveamento entre os classificados Flamengo, Palmeiras, Inter, São Paulo, Cuiabá, América Mineiro, Ceará e Grêmio. 

Dificuldades no começo

Em vantagem, os primeiros dez minutos de jogo foram de um Grêmio esperando o Juventude tomar as ações ofensivas. Os donos da casa, por sua vez, tentavam, movimentavam, mas tinham dificuldade de infiltrar a defesa gremista. Aos 10 minutos, Dalberto arriscou finalização de longe, sem perigo, nas mãos de Vanderlei. 

Aos 22, Kannemann afastou mal e a bola ficou com Rafael Silva. O atacante avançou até a linha de fundo, dentro da área, e mandou nas mãos do arqueiro tricolor. O Ju até ensaiou uma pressão e teve duas oportunidades de finalizar, mas Geromel e Vanderlei atuaram bem para neutralizar ambos os lances. 

Na primeira chegada gremista, o zagueiro paraguaio Bareiro falhou e Ferreira ficou na cara de Carné. O jovem atacante pegou mal na bola e desperdiçou. Aos 34, novamente o atacante recebeu de Diego Souza, mas foi desarmado pela zaga do Ju. 

Em lance sozinho, Maicon sentiu a virilha e precisou ser substituído por Lucas Silva aos 40 minutos. Logo após, a melhor chegada da partida. Diego Souza fez o pivô, encontrou Matheus Henrique que finalizou em cima de Carné e na sobra, o centroavante concluiu e Bareiro tirou em cima da linha. 

Jean Pyerre muda o panorama do jogo

Na volta do intervalo, Renato tirou Isaque, de primeiro tempo ruim, e colocou Thaciano. A troca não surtiu efeito e o Juventude cresceu na partida a partir do meio-campista Neto. Aos 4 minutos, ele provocou boa defesa de Vanderlei. Aos 8 minutos, acionou Igor, que quase surpreendeu Vanderlei em finalização da linha de fundo, que parou na trave. 

Em sequência, Eltinho passou bem por Matheus Henrique, invadiu a área e, ao tentar passar por Geromel, caiu. Marcelo de Lima Henrique mandou o jogo seguir. Precisando do gol, o Juventude se soltou na segunda etapa e pressionou a equipe gremista. 

Aos 20 minutos, Jean Pyerre entrou no lugar de Ferreira para dar maior trabalho de bola no setor do meio-campo. E em seu primeiro momento ofensivo após o intervalo, Diego Souza recebeu na linha de fundo e cruzou na medida para Thaciano abrir o placar no Alfredo Jaconi.  

O gol animou o Tricolor e logo aos 30 minutos quase que sai o segundo. Carné, em duas finalizações à queima roupa de Jean Pyerre e Diego Souza salvou o Ju. Depois, foi a vez de Pepê passar por três marcadores e rolar bem para Matheus Henrique, que desperdiçou em ruim cruzamento. 

Aos 39 minutos, Marciel parou em Vanderlei e desperdiçou a chance de "colocar fogo" no confronto. Precisando de dois gols, o Ju esbarrava na defesa tricolor que manteve o resultado até o final. 

Copa do Brasil - Oitavas de final

Juventude 0 

Marcelo Carné; Igor, Wellington, Nery Bareiro e Eltinho; João Paulo (Jonatas Belusso), Bochecha, Neto e Rafael Silva; Breno e Dalberto (Marciel). Técnico: Pintado

Grêmio 1 

Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon (Lucas Silva), Matheus Henrique (Everton), Ferreira (Jean Pyerre), Isaque e Pepê; Diego Souza (Diego Churín). Técnico: Renato Portaluppi

Gols: Thaciano (25min/2T°)
Cartões amarelos: Dalberto (Juventude) Isaque (Grêmio)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Local: Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)
Data e hora: 05/11, às 21h30min


Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário