segunda-feira, 7 de setembro de 2020

Um quarto dos brasileiros resiste à ideia de tomar vacina da Covid-19

Pesquisa mostra que 75% dos entrevistado fariam a imunização "com certeza"

Países começam a se preparar para aplicação em massa

Um quarto dos brasileiros resiste à ideia de tomar uma vacina contra a Covid-19, mostrou pesquisa do Ibope divulgada neste domingo pelo jornal O Estado de S.Paulo. Do total de entrevistados, 75% disseram que tomarão a vacina com certeza, enquanto 20% responderam que talvez tomem e 5% afirmaram que não tomarão de jeito nenhum.
Entre as principais razões da recusa ou desconfiança, 53% dos que afirmaram não ter certeza se tomarão a vacina dizem não acreditar que ela seja segura e 36% dizem ter receio de se contaminar com o novo coronavírus. Outras razões apontadas foram que a vacina pode provavelmente causar outras doenças e que pode ter chips implantados para controle da população.
Segundo dados do Ministério da Saúde divulgados no sábado, 4,123 milhões de pessoas já foram infectadas com o novo coronavírus no Brasil, com um total de 126.203 mortes.
A pesquisa, feita pelo Ibope para a ONG Avaaz, ouviu mil pessoas nos dias 27 a 29 de agosto. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para cima e para baixo.

R7 e Correio do Povo

RS segue com nuvens e chuva, com algumas aberturas de sol nesta segunda-feira


Inter comete pênalti no fim e empata com Bahia por 2 a 2



Governo passa pente-fino em cadastro para novas parcelas do auxílio

Quase metade das empresas vai manter seleção online pós-Covid


Grêmio e Atlético-GO empatam em 1 a 1 num jogo fraco tecnicamente


Taxistas de Porto Alegre têm metade da frota parada e observam retomada lenta


Brigada Militar encontra carro com artefatos explosivos



Lava Jato defende atuação de Dallagnol às vésperas de julgamento do CNMP


Djokovic acerta bolada em juíza de linha e é desclassificado do US Open











Nenhum comentário:

Postar um comentário