quarta-feira, 15 de julho de 2020

Comércio de Caxias do Sul (RS) segue orientação de bandeira vermelha

Terça-feira foi de lojas fechadas no centro da cidade

Comércio de Caxias do Sul amanheceu fechado no primeiro dia de bandeira vermelha na cidade

Em Caxias do Sul, o primeiro dia de bandeira vermelha foi de boa movimentação de pessoas na área central da cidade, mas a maior parte do comércio obedeceu a determinação de estar de portas fechadas. As lojas de serviços não essenciais estão trabalhando  no sistema pague e leve ou drive thru.
A presidente do Sindilojas Caxias, Idalice Manchini, afirmou que o município precisa ter mais autonomia para decidir sobre o que pode ficar aberto ou fechado durante a pandemia. Ela adiantou que está tentando agendar reunião com o prefeito Flávio Cassina, para tratar da possibilidade do comércio, mesmo atendendo com 25% dos  funcionários, poder estar com as portas abertas para que o cliente possa entrar na loja. “Nós não observamos aglomerações no  comércio e essa medida poderia ser revista”,  destacou Idalice.
A indústria tem autorização para trabalhar com apenas 50% do seu quadro de colaboradores.
A Prefeitura de Caxias do Sul esclarece que, após avaliação da Diretoria de Fiscalização da Secretaria Municipal de Urbanismo e da Vigilância Sanitária do Município, serviços de estética, assim como salões de beleza e barbearias, enquadram-se como serviços de higiene pessoal. 
Dessa forma, enquanto vigorarem as medidas de bandeira vermelha em Caxias do Sul, esses estabelecimentos poderão funcionar, desde que respeitando as orientações de 25% da equipe, atendimento individualizado ou com distanciamento mínimo de 4 metros entre clientes, além das medidas de higiene. As academias podem  funcionar com 25% dos funcionários com atendimento individualizado e respeitando o distanciamento de 16m² por pessoa.
O Secretário municipal de Urbanismo João Uez informou num primeiro momento a fiscalização está circulando pela cidade e orientando  aos comerciantes   que por acaso estiverem com as portas abertas para que siga a orientação da bandeira vermelha.
Restaurantes podem operar com 50% dos trabalhadores com tele entrega, pegue e leve e drive thru. O Secretário municipal de Urbanismo João Uez informou que foi  encaminhada solicitação a secretária estadual da Saúde para que  os restaurantes possam receber clientes para o almoço  com um funcionário servindo as pessoas.
Praças e parques permanecem abertos de segunda a sexta-feira para caminhadas e corridas e aos sábados e domingos estão fechados  para evitar aglomerações.

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário