AdsTerra

banner

segunda-feira, 1 de abril de 2024

Porto Alegre: Sebastião Melo confirmará que é candidato à reeleição neste mês

 Apesar das negociações já estarem a todo vapor, próximo passo do prefeito será a escolha do vice e consolidação da composição

Taline Oppitz

Apesar de manter conversas, Melo tem evitado falar em eleições publicamente 

Nas conversas que vem mantendo com lideranças e dirigentes de partidos aliados, o prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo (MDB), tem pedido paciência. Até agora, apesar de sua presença na disputa por mais um mandato no comando do Paço ser considerada certa, Melo tem evitado falar sobre eleições publicamente. O cenário irá mudar e as negociações irão avançar após Melo confirmar, oficialmente, o que todo mundo já sabe: que disputará à reeleição.

O anúncio será feito neste mês. A partir de então, uma das principais incógnitas do mapa eleitoral na Capital, gerado pela desistência de Ricardo Gomes, que deixou o PL, em repetir a dobradinha, acabará sendo respondida, com a definição do vice de Melo.

A decisão, porém, depende de uma série de fatores, já que aliados como o PP também passaram a visar a indicação para o parceiro do emedebista na chapa majoritária. O PL precisará ainda definir seu papel na eleição, optando ou não pelo protagonismo.

Também neste mês, mas precisamente na próxima sexta-feira, será encerrada a janela do troca-troca partidário, que permite a mudança de partido sem riscos de perda dos mandatos. Com o fim da janela, avançarão também as negociações visando as composições das nominatas proporcionais, com os pré-candidatos que disputarão cadeiras nas câmaras municipais.

Sucessões negociadas

As trocas que vêm ocorrendo nos cargos do primeiro e segundo escalões do governo Sebastião Melo, em função do afastamento de pré-candidatos, estão priorizando sucessores técnicos. As substituições estão sendo negociadas em conversas prévias entre o prefeito e dirigentes dos partidos que comandam as áreas.

A intenção é a de não romper pontes e de evitar ruídos. O prazo de desincompatibilização para ordenadores de despesa, ou seja, secretários e adjuntos, termina no dia 5 de abril.

Episódio do PL ‘movimenta muito as peças do jogo’

A deputada federal Any Ortiz (Cidadania) afirmou à coluna que o episódio envolvendo o PL Porto Alegre “movimenta muito as peças do jogo, não apenas para o partido, mas para os demais atores envolvidos”. PSDB e Cidadania precisam ainda formar a executiva da federação na Capital para definir seus rumos na eleição.

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário