AdsTerra

banner

segunda-feira, 11 de março de 2024

Casos de feminicídio batem recorde no 1º ano do governo Lula

 


Os casos de feminicídio registrados no Brasil bateram recorde no primeiro ano do terceiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ao todo, foram 1.463 casos notificados nos 26 Estados e no Distrito Federal (DF), contra 1.440 em 2022. Os números foram divulgados na quinta-feira 7 pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

De acordo com o levantamento, isso representa a morte de uma mulher a cada seis horas. A contagem é feita desde que o crime passou a ser tipificado por lei no país, em 2015.

“A legislação vigente qualifica o feminicídio como um crime que decorre de violência doméstica e familiar em razão da condição do sexo feminino, em razão de menosprezo à condição feminina, e em razão de discriminação à condição feminina”, cita o Fórum, na análise da pesquisa.

Fonte: https://www.instagram.com/p/C4Uxcn_pLBX/?igsh=cnZ6YjhodGNuOXB3

Nenhum comentário:

Postar um comentário