AdsTerra

banner

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2024

Eduardo Leite concorda com vacina obrigatória para crianças em idade escolar

 



O governador Eduardo Leite anunciou que vai obrigar os pais das crianças a apresentarem o cartão completo de vacinação para matrícula na rede de ensino.

Isso significa que Eduardo Leite está retirando dos pais, ao lado do médico, a liberdade de decidir se seus filhos devem ou não ser vacinados contra a covid. Mais uma vez, Eduardo Leite se alinha a Lula e ao PT para tirar a nossa liberdade.

Eduardo Leite poderia ter seguido o exemplo de Santa Catarina e Minas Gerais, onde os governadores anunciaram que não irão seguir a diretriz do Ministério da Saúde e deixarão a cargo das famílias a decisão sobre vacinar ou não.

Ao acompanhar as normativas federais, Eduardo Leite lava as mãos, se isenta da responsabilidade e, de forma covarde, esconde-se atrás do PT para implementar uma medida arbitrária. Nenhuma novidade para quem promoveu uma fecha tudo desenfreado, ceifando emprego e renda dos gaúchos.

Essa decisão de agora tem um requinte ainda maior de crueldade: recusar matrícula de crianças é uma medida cruel, que demonstra a falta de compromisso com a formação dos jovens.

Você até pode se surpreender com esse avanço autoritário do governador. Mas nós, que conhecemos bem a prática tucano-petista, sempre alertamos para esses riscos.

Fonte: https://www.instagram.com/p/C3QdmIzO_PL/?igsh=ZWdjdTBobThhYWJi

Nenhum comentário:

Postar um comentário