AdsTerra

banner

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2024

Beber duas xícaras de chá preto por dia pode aumentar longevidade

 Novo estudo mostra que o risco de doenças cardiovasculares, ataque cardíaco e AVC também foram reduzidos em pessoas que consomem a bebida com frequência


Beber chás com frequência pode ajudar a melhorar a qualidade de vida e a diminuir o risco de morte, segundo um novo estudo realizado no Reino Unido. A grande diferença desta nova descoberta para outros estudos é que, normalmente, envolviam pessoas que bebiam chá verde. Agora, a relação com a melhoria do bem-estar está diretamente ligada ao consumo de chá preto.

Na pesquisa, pessoas que consumiram duas ou mais xícaras do chá por dia tinham de 9% a 13% menos riscos de morte por qualquer causa do que aqueles que não bebem chá. Ter o costume de beber mais a bebida também estava associado a um menor risco de morrer por doenças cardiovasculares, ataque cardíaco e AVC.

Leia também: Risco de AVC: tipo sanguíneo pode ser determinante

A associação foi feita sem levar em conta a temperatura do chá, adição de leite e/ou açúcar e variações genéticas que afetam a taxa de metabolização da cafeína no organismo.

O estudo envolveu 498.043 homens e mulheres entre 40 e 69 anos, acompanhados por 11 anos, e que participaram de um estudo chamado UK Biobank.

Os resultados da pesquisa foram reportados na revista científica Annals of Internal Medicine na terça-feira (30/8) e sugerem que o chá preto, mesmo em níveis mais altos de ingestão, pode fazer parte de uma dieta saudável.


Estado de Minas

Nenhum comentário:

Postar um comentário