quinta-feira, 23 de junho de 2022

Homem vestido de astronauta furta R$ 80 mil de supermercado em BH

 Suspeito teve a ajuda de dois comparsas e foi flagrado por câmeras de segurança; crime aconteceu na região de Venda Nova



Um homem vestido com roupas semelhantes às usadas por astronautas furtou R$ 80 mil de um supermercado no bairro Jaqueline, região de Venda Nova, em Belo Horizonte. O suspeito teve a ajuda de dois comparsas e foi flagrado por câmeras de monitoramento.

Pelas imagens do circuito de segurança, é possível ver o homem andando de um lado para o outro, com o objetivo de desligar o sensor de calor e evitar que o alarme dispare. Ele conversa com alguém pelo celular e, cerca de 20 minutos depois, desativa o equipamento. Os comparsas aparecem em seguida e usam ferramentas para arrombar a sala onde estavam os cofres.

Os três suspeitos ficaram no supermercado por aproximadamente uma hora e meia. Eles saem e parecem não se incomodar com as câmeras, enquanto carregam as sacolas com o dinheiro. O crime foi descoberto minutos depois.

"Uma equipe que ia para uma outra unidade nossa passou em frente a essa unidade e falou que tinham duas viaturas na porta. Cheguei lá e pegamos essa situação desagradável", diz um funcionário, que prefere não se identificar.

O crime inusitado e bem planejado chamou a atenção da polícia. A suspeita é a de que um dos criminosos entrou no supermercado como cliente e permaneceu escondido no estacionamento até a loja fechar. Depois, ele esperou a base da Polícia Militar que fica bem em frente ao local, ir embora, para assim arrombar o portão e permitir a entrada dos comparsas.

Dentro do estabelecimento, várias portas e cadeados foram arrombados com a ajuda de ferramentas pesadas.Um dos cofres foi aberto com a ajuda de uma talhadeira. “Foi uma cena até de filme. Nunca esperava uma coisa dessas,até pelo fato de termos câmeras dentro da loja, circuito interno de tv, segurança. Foi uma coisa bem constrangedora e surpreendente”, aponta o funcionário.

Os suspeitos fugiram a pé. Agora, a polícia busca por imagens de estabelecimentos vizinhos no bairro para tentar identificar os ladrões.

R7 e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário