segunda-feira, 6 de junho de 2022

Fora de casa, Inter vence o Bragantino por 2 a 0 pelo Brasileirão

 


O Inter venceu o Red Bull Bragantino por 2 a 0, na noite deste domingo (5), no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), em partida válida pela nona rodada do Brasileirão. O triunfo deixou o Colorado com 14 pontos, na sétima posição na tabela. Já o Massa Bruta permanece em dez pontos, na 14ª colocação.

Johnny, aos 46 minutos da etapa final, e Carlos de Pena, no último lance de partida, marcaram os gols da vitória do Inter.

O Colorado volta a campo na próxima quarta-feira (8), quando visita o Santos, a partir das 21h30min, na Vila Belmiro.

Após o apito final, o técnico Mano Menezes falou sobre preparação para a partida: “A gente sabia como seria o jogo. Estamos levando a vitória aqui pois entendemos como deveríamos entrar em campo”, disse.

O jogo

O Massa Bruta assustou no primeiro minuto do jogo, quando Luan Cândido carimbou a trave do Inter. Aos dois minutos, Natan cabeceou firme e Daniel evitou o gol. O Bragantino voltou a levar perigo aos 32 minutos. Helinho aproveitou cruzamento e carimbou a trave. No rebote, chutou para fora. O Colorado respondeu aos 46, em chute de Alan Patrick para fora.

O segundo tempo continuou truncado e equilibrado. Luan Cândido, aos 19 minutos, chutou e Daniel defendeu. O Colorado foi ao ataque aos 34 minutos, em chute rasteiro de Wanderson, que Cleiton defendeu. Quando o jogo parecia caminhar para o empate, o Inter marcou aos 46 minutos. Johnny aproveitou toque de Maurício e chutou rasteiro para balançar as redes do Bragantino. O Colorado ainda marcou mais um aos 53 minutos. Carlos de Pena, de pênalti, selou a vitória do Inter.

Ficha técnica

– Red Bull Bragantino (0): Cleiton; Aderlan (Andrés Hurtado), Kevin, Natan e Luan Cândido; Raul, Lucas Evangelista e Praxedes (Alerrandro); Artur (Bruno Tubarão), Ytalo (Hurtado) e Helinho (Sorriso). Técnico: Maurício Barbieri.

– Internacional (2): Daniel; Bustos, Vitão, Gabriel Mercado e Renê; Gabriel e Rodrigo Dourado (Carlos de Pena); Edenilson (Johnny), Alan Patrick (Taison) e Wanderson (Mauricio); David (Alemão). Técnico: Mano Menezes.

– Gols: Johnny, aos 46’/2ºT, e Carlos de Pena, aos 54’/2ºT (I).

– Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhães, auxiliado por Michael Correia e Daniel do Espírito Santo. Quarto árbitro: Thiago Duarte Peixoto. VAR: Adriano Milczvski.

O Sul

Nenhum comentário:

Postar um comentário