segunda-feira, 9 de novembro de 2020

Grêmio vence o Fluminense fora e chega à quinta vitória consecutiva

 Tricolor gaúcho abriu o placar na primeira etapa com Pepê e soube administrar a vantagem até o final



Em uma atuação segura e consistente, o Grêmio foi superior durante toda a partida e venceu o Fluminense por 1 a 0 no estádio do Maracanã, na noite deste domingo. Com o resultado, o Tricolor gaúcho emendou a quinta vitória consecutiva na temporada e soma 30 pontos - ficando na 8ª colocação no campeonato, distante um ponto do G-6.

Agora, a equipe volta suas atenções para as quartas de final da Copa do Brasil, quando encara o Cuiabá, às 19h, nesta quarta-feira, no Mato Grosso. 

Melhor nas duas etapas e cedendo poucas chances de perigo aos donos da casa, os comandados de Renato Portaluppi abriram o placar aos 28 minutos do primeiro tempo, com Pepê, após assistência de Diego Churín. Depois de sair na frente, a equipe soube controlar o jogo, dar poucos espaços e até perdeu chances de ampliar no final da partida. 

Bem na defesa e letal no ataque

O começo da partida foi de um Grêmio tendo mais a bola e propondo o jogo, ainda que encontrasse dificuldade no último passe. Com o triângulo Matheus Henrique, Darlan e Jean Pyerre, o controle das ações era gremista.  Aos 10 minutos, após boa tabela entre Jean Pyerre e Orejuela, o lateral sofreu falta próxima da área. Na cobrança, Diogo Barbosa encontrou Churín na área, que livre, cabeceou para fora. A bola ainda resvalou na trave antes de sair.

Com mais volume do que qualidade, o Fluminense tentou responder e passou a rondar a defesa gremista. Aos 15, Araujo cabeceou para fora após escanteio de Danilo. Aos 20, Dodi passou bem pela marcação e rolou para Danilo, que cruzou direto para fora. Aos 26 minutos, Hudson recebeu na entrada da área, ajeitou para a esquerda e finalizou para boa defesa de Paulo Victor. 

E depois do seu lance de maior perigo na defesa, o Grêmio foi letal no contra-ataque. Após receber bom passe de Luiz Fernando, Churín finalizou cruzado e Pepê entrou livre para marcar o único gol do jogo. Atrás no placar, o tricolor carioca se lançou mais ao ataque e levou perigo a meta gremista. Aos 42 minutos, Fred subiu mais alto que a marcação e cabeceou para o chão. Paulo Victor fez difícil defesa.

Explorando os contra-ataques

Para a segunda etapa, Renato colocou Everton no lugar de Pepê, que sentiu um leve desconforto e saiu para ser preservado visando o confronto de quarta-feira pela Copa do Brasil. O Tricolor manteve a levada do primeiro tempo, tendo a bola, mas faltando "afinar" o toque decisivo para a finalização. Aos 3 minutos, Luiz Fernando recebeu de Jean Pyerre, mas cruzou errado e a zaga cortou. Aos 8, Jean Pyerre exagerou na força e errou o lançamento para Luiz Fernando.

A intenção gremista era aproveitar "os buracos" que o Flu deixava no contra-ataque. Churín deixou o campo, aos 19 minutos, para Ferreira entrar e explorar mais a velocidade. Aos 21, Everton se aproveitou de erro de Ganso e Luiz Fernando avançou rapidamente pela direita. No entanto, novamente pecou no "último passe". Os cariocas tinham problemas para produzir ofensivamente e tentavam nas bolas paradas. Aos 25, Ganso cruzou e Luiz Henrique mandou longe do gol. 

Na proposta de um time veloz no ataque, Ferreira partiu para cima da marcação e obrigou Muriel a boa defesa aos 30. Aos 36, o atacante perdeu sua melhor chance no jogo. Cara a cara com Muriel, ele tirou demais da meta e mandou para fora.

E o Grêmio seguiu desperdiçando chances no contra-ataque. Aos 39 minutos, Thaciano saiu na cara de Muriel e finalizou em cima do goleiro. Sem ímpeto ofensivo, o Flu "aceitou" o resultado e o Tricolor manteve a vitória até o final. 

Brasileirão - 20ª rodada

Fluminense 0

Muriel; Igor Julião, Nino, Luccas Claro e Danilo Barcelos; Hudson (Lucca), Dodi e Michel Araújo (Ganso); Caio Paulista (Marcos Paulo), Wellington Silva (Felippe Cardoso) e Fred (Luiz Henrique). Técnico: Odair Hellmann. 

Grêmio 1 
Paulo Victor; Orejuela, David Braz, Rodrigues e Diogo Barbosa; Darlan (Paulo Miranda) e Matheus Henrique; Luiz Fernando (Isaque), Jean Pyerre (Thaciano) e Pepê (Everton); Diego Churín (Ferreira). Técnico: Renato Portaluppi

Gols: Pepê (28min/1T°)
Cartões amarelos: Diogo Barbosa (Grêmio) Ganso (Fluminense)
Árbitro: Edina Alves Batista (SP)
Data: 08/11
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)



Correio do Povo


Inter cede empate duas vezes ao Coritiba e tropeça no Beira-Rio


BOPE descarta que objeto no Centro de Porto Alegre seja explosivo


Aviões e navios das Forças Armadas começam a chegar no Amapá


Semana de instabilidade começa com chuva irregular no RS


Alcolumbre quer investigação sobre apagão no Amapá e que Aneel casse concessão


Pandemia impacta contratos das mensalidades das escolas em 2021


Juventude vence o CRB no Rei Pelé e permanece no G4 da série B









Nenhum comentário:

Postar um comentário