quinta-feira, 18 de junho de 2020

Fabrício Queiroz é preso no interior de SP

Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flavio Bolsonaro, é suspeito de comandar um esquema de “rachadinha”.| Foto: Reprodução/SBT

O policial militar aposentado Fabrício Queiroz foi preso no início da manhã desta quinta-feira (18), em Atibaia, no interior de São Paulo, numa ação conjunta da Polícia Civil de São Paulo e do Ministério Público do Rio de Janeiro batizada de Operação Anjo. Ele é ex-assessor parlamentar do gabinete de Flávio Bolsonaro, quando este era deputado estadual no Rio de Janeiro.

Fabrício Queiroz estava num imóvel do advogado da família Bolsonaro, Frederick Wassef, e não teria reagido. Segundo o delegado de polícia paulista Osvaldo Nico Gonçalves, o caseiro da residência falou que Queiroz estava lá havia um ano. Dois aparelhos de celular e documentos do ex-PM foram apreendidos no imóvel.

A operação foi autorizada pelo juiz Flávio Itabaiana Nicolau, da 27ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio. Há ainda um mandado de prisão também contra a mulher de Queiroz, Márcia Oliveira de Aguiar. Além deles, a Operação Anjo mira o servidor da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) Matheus Azeredo Coutinho, os ex-funcionários da casa Luiza Paes Souza e Alessandra Esteve Marins e o advogado Luis Gustavo Botto Maia.


 
Ler a matéria completa

Gazeta do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário