terça-feira, 25 de outubro de 2022

Final de campanha tem debates e eventos com apoiadores no RS

 Embates entre Onyx Lorenzoni (PL) e Eduardo Leite (PSDB) ocorrem na última semana antes do pleito



A última semana de campanha no RS será marcada por uma série de debates, além de atos que buscam fomentar apoios e, claro, angariar votos de eleitores indecisos. Nesta terça-feira, Onyx Lorenzoni (PL) e Eduardo Leite (PSDB) estarão frente a frente em debates promovidos pelo Correio do Povo e Rádio Guaíba, às 13h10, e pela Record TV RS, às 18h. Na semana, pelo menos quatro debates contarão com a presença de ambos. O primeiro dele ocorreu no Grupo Sinos, em Novo Hamburgo, nesta segunda-feira, e deu o tom do que reservam os próximos dias, com muitas trocas de farpas e acusações entre os candidatos. 

Pelo lado de Onyx, o principal evento de campanha foca as mulheres. Na próxima quarta-feira, às 14h22, nas quadras esportivas do Estádio do Zequinha, ocorre um ato de apoio a Jair Bolsonaro (PL), candidato a reeleição à presidência, e a sua candidatura. Segundo o próprio Onyx, o encontro contará com a primeira-dama Michelle Bolsonaro e com a senadora eleita Damares Alves (Republicanos-DF), além de outras apoiadoras. 

"Vamos continuar do mesmo jeito desde o primeiro dia, com humildade, fé em Deus e apresentando propostas para o RS. Caminho seguro de um governo que vai construir uma relação lastreada na verdade", afirma o liberal, ressaltando que, se eleito, terá como vice uma servidora pública, de forma inédita, garantindo atenção para a categoria. Cláudia Jardim (PL), além de vice-prefeita de Guaíba, é professora na rede pública.

Já Leite ressalta a importância dos debates da reta final de campanha. "A gente vem em um ritmo intenso. No segundo turno, especialmente, já que são dois candidatos e não oito como no primeiro turno, serão oportunidades de fazer a contraposição das biografias e currículos para o eleitor tomar sua posição", avalia.

Nesta segunda-feira, em seu comitê central de campanha, Leite realizou um ato para o anúncio de novos apoios. Sobre dissidências do MDB e do Podemos, partidos coligados a sua chapa, como os emedebistas Sebastião Melo, Tiago Simon, Osmar Terra e Patrícia e Marco Alba, além do senador Lasier Martins, do deputado federal eleitor Maurício Marcon e do deputado estadual eleito Professor Cláudio, os três do Podemos, que anunciaram apoio a Onyx, o tucano minimiza.

"Nós temos vários apoiadores do PP, que anunciou apoio ao meu adversário. Faz parte da política, por afinidades e defecções. A maioria do MDB está conosco. O Gabriel Souza (MDB) é um talento, um jovem dinâmico e capaz politicamente, e que trago com muito orgulho na minha chapa. Mesmo com defecções, é o maior partido que está conosco garantindo nosso esforço pela continuidade de um projeto que deu resultados para o Estado", afirma.

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário