sexta-feira, 15 de julho de 2022

Polícia indicia homem por morte de tesoureiro do PT e diz não ver motivação política em crime

 



Polícia indicia homem por morte de tesoureiro do PT e diz não ver motivação política em crime
A Polícia Civil do Paraná apresentou nesta sexta-feira a conclusão do inquérito da morte de Marcelo Arruda em uma festa de aniversário em Foz do Iguaçu no último sábado. A comemoração tinha como tema o Partido dos Trabalhadores e o ex-presidente Lula. Segundo a delegada chefe da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa, Camila Cecconello, "não há provas de que foi um crime de ódio pelo fato de a vítima ser petista". O atirador Jorge Guaranho foi indiciado por homicídio qualificado por motivo torpe. Ele foi ferido durante a discussão com Arruda, que também estava armado, e está internado em estado grave.
Vídeo via @GloboNews

Fonte: https://twitter.com/i/events/1547953538717757441

Nenhum comentário:

Postar um comentário