sexta-feira, 8 de julho de 2022

Morre James Caan, ator de "O Poderoso Chefão", aos 82 anos

 Artista norte-americano marcou a história de Hollywood


O ator James Caan, que interpretou Sonny, o filho mais velho de Vito Corleone em "O Poderoso Chefão", morreu aos 82 anos, informou seu círculo próximo nesta quinta-feira (7). "É com grande tristeza que informamos a morte de Jimmy na noite de 6 de julho", informou sua família na conta do ator no Twitter.

Sua carreira começou a ter sucesso nos anos 1960. O ator teve atuações em diferentes gêneros. Sua figura forte o fez viver papeis que foram de policiais a bandidos ou mafiosos. Em 1963 estreou no cinema com a comédia "Irma La Douce", dirigido por Billy Wilder. Participou do faroeste "El Dorado" (1966), em que viveu o personagem Alan Bourdullion Traherne e atuou ao lado de John Wayne. 
No drama "Dupla Vingança" (1974) foi um homem preso injustamente. No suspense "Misery - Louca Obsessão" (1992),  viveu um escritor que se torna refém de uma fã louca, em roteiro de Stephen King.  No filme de ação "Queima de Arquivo" trabalhou com Arnold Schwarzenegger.
Na TV, integrou o elenco da série "Las Vegas" entre 2004 e 2006, entre outros trabalhos. 

"Jimmy era um dos maiores (...) Vou sentir muito sua falta", escreveu seu agente Matt Del Piano em comunicado à AFP.


AFP e Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário