terça-feira, 12 de julho de 2022

Em meio à crise de pequenos bancos, China reprime protestos com violência

 Agências rurais congelaram milhões de dólares em depósitos e clientes têm organizado manifestações para garantir acesso ao próprio dinheiro




As autoridades da China dispersaram violentamente no domingo (10) um protesto pacífico de centenas de chineses, que procuraram em vão exigir de volta seus depósitos de bancos que enfrentam uma crise de caixa cada vez mais profunda.

Desde abril, quatro bancos rurais na província central de Henan, na China, congelaram milhões de dólares em depósitos, ameaçando os meios de subsistência de centenas de milhares de clientes em uma economia já atingida por lockdowns draconianos da pandemia.

Chineses angustiados fizeram várias manifestações na cidade de Zhengzhou, capital da província de Henan, nos últimos dois meses, mas suas demandas invariavelmente caíram em ouvidos surdos.

CNN Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário