domingo, 3 de julho de 2022

Em Fortaleza, Inter empata em 1 a 1 com o Ceará pelo Brasileirão

 


Em Fortaleza, o Inter empatou em 1 a 1 com o Ceará, neste sábado (2), em partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado do jogo disputado na Arena Castelão, o Colorado vai a 25 pontos somados, na quinta posição da tabela. Já o time cearense fica com 18 pontos e dorme na 13ª colocação.

Lima abriu o placar em cobrança de pênalti para o Vozão aos 19 minutos do primeiro tempo, e o lateral Moisés marcou, três minutos depois, de cabeça para o Colorado para deixar tudo igual.

Na próxima terça (5), o Inter disputará um duelo decisivo, às 21h30min, no Beira-Rio. O Colorado enfrentará o Colo-Colo no jogo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Pelo Brasileirão, o time de Mano Menezes voltará a campo às 20h do próximo dia 11, no Beira-Rio, contra o América-MG.

O jogo

Alvinegros e colorados protagonizaram um primeiro tempo bastante movimentado na Arena Castelão. Com 18 segundos de bola rolando, Wesley Moraes desperdiçou boa chance para o Inter. Sem se intimidar com o susto relâmpago, o Vozão pegou carona no embalo da torcida e foi para cima. Gabriel Lacerda passou perto, aos sete. Na sequência, Iury Castilho foi derrubado dentro da área. Com a bola na marca da cal, Lima cobrou a penalidade com segurança para colocar os mandantes na frente, aos 19: 1 a 0.

No entanto, a vantagem não durou cinco minutos, porque, aos 23, Taison cobrou falta na medida para Moisés empatar a partida para o Internacional. Depois do empate, os visitantes passaram a ter maior domínio ofensivo. Caio Vidal errou o alvo, enquanto Kaíque esbarrou tanto no poste quanto no goleiro Vinicius. Minutos antes do intervalo, o Ceará reapareceu no ataque com Victor Luis e Iury Castilho, mas foi o 1 a 1 que seguiu no placar.

Depois do intervalo, o jogo perdeu intensidade. Wesley apareceu de novo para o Colorado, aos quatro. E Nino Paraíba tentou para o Vozão, aos 14. Mas foi só. Nos minutos seguintes, as defesas se sobressaíram e os ataques pouco criaram. Aos 42, o Inter passou a jogar com um a menos, após Cadorini receber o cartão vermelho. Mas com pouco tempo no relógio, o Ceará não conseguiu tirar proveito da vantagem numérica e o empate permaneceu no marcador até o apito final.

Ficha técnica

– Ceará (1): Vinicius; Nino Paraíba, Messias, Gabriel Lacerda e Victor Luis; Richardson, Richard e Lima; Erick (Kelvyn)(Dentinho); Iury Castilhos e Zé Roberto (Matheus Peixoto). Técnico: Marquinhos Santos.

– Internacional (1): Keiller; Heitor, Rodrigo Moledo, Kaique Rocha e Moisés (Gabriel Mercado); Liziero e Johnny (Gabriel); Caio Vidal, Taison (Mauricio) e Thauan Lara (Estêvão); Wesley Moraes (Cadorini). Técnico: Mano Menezes.

– Arbitragem: Rodolpho Toski Marques, auxiliado por Ivan Carlos Bohn e Victor Hugo Imazu dos Santos. Quarto árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães. VAR: Adriano Milczvski.

O Sul

Nenhum comentário:

Postar um comentário