domingo, 26 de junho de 2022

Canadá, país de oportunidades

 Sociedade modelo abre espaço para estrangeiros que querem trabalhar no país


Jurandir Soares


Estou em visita ao Canadá, o segundo maior país do mundo em extensão territorial, ficando atrás apenas da Rússia, porém um dos países de menor densidade populacional, apenas 37 milhões de habitantes. Mas é um dos integrantes do G7, o grupo de países mais ricos e industrializados do mundo, o que, associado à grandeza e à beleza de sua paisagem, tem sido marcante para a formação de sua identidade. Embora os canadenses sejam relativamente poucos em número, eles criaram uma sociedade modelo e que agora se abre ao mundo.

O Canadá é um país que está oferecendo múltiplas oportunidades para quem quiser vir para cá para trabalhar. Desde as mais sofisticadas operações digitais, passando pela indústria 4G e indo até as áreas de construção e de serviços. A moeda do país é o dólar canadense, cotado a cerca de 1 dólar por R$ 4,30. Apesar da pandemia e do lockdown, que foram motivos para grandes manifestações contra o governo em fevereiro último, o país tem apresentado um crescimento do PIB da ordem de 2,7%, sendo a 11ª economia do mundo. A riqueza mineral é a grande impulsionadora da economia do país, que possui jazidas de ferro, petróleo, gás natural, urânio, ouro, prata, níquel, cobre e outros. Esses recursos naturais não só geram divisas com suas exportações como servem para impulsionar a indústria do país. Ou seja, não é só um exportador de commodities, mas também um transformador. Uma das indústrias mais pujantes é a aeronáutica, com a Bombardier, uma das maiores exportadoras mundiais de aviões e grande competidora da brasileira Embraer. 

Com uma extensa área de floresta boreal, que ocupa 48% do território do país, o Canadá é grande produtor de papel, celulose e madeira. Abrigando indústrias que atuam nesse segmento de forma sustentável. Aliás, preservar a natureza é um dogma adotado pelo país, até porque a natureza é a sua maior riqueza. Em poucos lugares do mundo você se conecta tanto à natureza como aqui. Cadeias de montanhas e lagos azuis se multiplicam. Mas é no inverno, com as longas noites, que o maior espetáculo se revela: a aurora boreal, fazendo seus véus dançantes enfeitarem o céu, em complemento à gélida paisagem branca, por onde se estendem as pistas de ski. São aspectos que fazem o país se tornar um grande centro de atração turística.

Estima-se que atualmente vivam no Canadá cerca de 129 mil brasileiros. A maior parte, 85 mil, está radicada em Toronto. As oportunidades de trabalho para quem quiser vir para cá são múltiplas, e o visto é muito fácil de tirar. De acordo com dados do Royal Bank of Canada, as profissões mais requisitadas, pela ordem, são desenvolvedor de web, gerente de recursos humanos, engenheiro elétrico, veterinário, farmacêutico, soldador, engenheiro aeroespacial e motorista. Mas as oportunidades são muito mais amplas nesta terra onde a presença chinesa já é tão expressiva a ponto de o aeroporto de Vancouver ter os informes escritos nos idiomas inglês, francês e mandarim.

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário