segunda-feira, 11 de outubro de 2021

Felipão acerta saída e não é mais técnico do Grêmio

 Time e treinador voltaram atrás de discursos após derrota e decidiram por fim do vínculo em meio à crise


Contrariando os discursos após a derrota para o Santos, Grêmio e Felipão chegaram a acordo para encerrar a passagem do técnico pelo Tricolor. O clube anunciou o desligamento do treinador no fim da noite deste domingo, após reunião em São Paulo.

Chegou ao fim a quarta passagem de Luiz Felipe Scolari no comando do Grêmio. O treinador não suportou a nova derrota diante do Santos, na tarde deste domingo, na Vila Belmiro, pela 25° rodada do Brasileirão. O revés aprofundou a crise no vestiário tricolor e estacionou o time na zona de rebaixamento.

Anunciado em 7 de julho, Felipão chegou ao Grêmio muito mais pela "mística" e glórias dos tempos de outrora. Era de conhecimento do técnico e da diretoria tricolor que o novo líder da casamata teria que reorganizar a casa e reconduzir o clube ao caminho das vitórias após a saída do técnico Tiago Nunes.

“Eu não posso dizer detalhadamente como vamos fazer para tirar o Grêmio desta dificuldade momentânea. Posso dizer que nós temos que trabalhar. Os atletas estarão mais empenhados no trabalho para superar as dificuldades. Vamos discutir com os atletas e colocar em campo para superar esse momento no Brasileirão. Não é em uma vitória que vai mudar tudo. Temos que mudar com calma, mas temos que mudar em alguns aspectos para amanhã”, declarou o técnico em sua apresentação, na véspera do Grenal da 11° rodada, em 10 de julho.

O 0 a 0 com o Inter marcou o retorno do técnico como comandante do Grêmio. Na sequência, as dificuldades ficaram evidentes, com o time intercalando vitórias e derrotas. O comandante gremista também não conseguiu fazer a equipe crescer nas outras competições que restavam.

Na Sul-Americana, a estrada terminou para a LDU e na Copa do Brasil a derrota sofrida na Arena por 4 a 0 liquidou com qualquer pretensão de avançar às semifinais do torneio nacional. Na ocasião, Luiz Felipe assumiu a responsabilidade. "Eu que escalei, eu que troquei. Se existe um culpado, sou eu. Faço as minhas escolhas, e assumo responsabilidade. As mudanças não ocorreram com a situação que eu imaginei", admitiu.
O jogo de volta, no Maracanã, foi protocolar e ainda com novo revés, por 2 a 0.

Felipão oscilou entre altos e baixos, não conseguindo fazer com que a equipe engrenasse. O ponto alto desta última trajetória foi entre a 20ª e a 21ª rodadas, único período em que o Grêmio conseguiu duas vitórias consecutivas sob o comando do treinador. A vitória diante do Ceará e do Flamengo deu esperanças de que o Tricolor poderia reagir e sair de vez da zona de rebaixamento. No entanto, o bom momento durou muito pouco e terminou com uma nova derrota, com quatro gols sofridos para o Athletico-PR. A má fase a partir daí só foi ampliada com o insucesso diante do Sport e o empate frustrante com o Cuiabá, ambos em Porto Alegre.

E logo depois do jogo com o Cuiabá, Felipão, irritado, negou a existência de desavenças no vestiário do Grêmio. O treinador classificou como "mentira" as informações que teriam vazado após a derrota. "Nada diferente de todas as situações que eu já vivo no futebol há 50 anos. Quem passa isso para vocês (jornalistas) é um mentiroso cafajeste", atacou.  

Até a partida deste domingo, na Vila Belmiro, foram 21 jogos, com nove vitórias, três empates e nove derrotas, entre Brasileirão, Copa do Brasil e Sul-Americana – só no Campeonato Brasileiro, foram 15 jogos, com seis vitórias, três empates e seis derrotas.


Correio do Povo


Segunda-feira terá chuva esporádica por todo o RS


Felipão acerta saída e não é mais técnico do Grêmio


Grêmio perde para o Santos e agrava crise na zona do rebaixamento


Dois ministérios não respondem CPI sobre contratos com FIB Bank


"O presidente sou eu", diz Bolsonaro sobre Mourão na Cúpula do Clima


Bolívia se reabilita e derrota Peru com gol nos minutos finais


Caxias empata com o ABC e decide avanço na Série D fora de casa


Satisfeito com produção ofensiva, Aguirre indica que repetirá escalação do Inter na próxima partida


Inter atropela a Chapecoense na volta do público ao Beira-Rio e segue na cola do G6 do Brasileirão


Brasil registra 8.639 casos e 182 mortes por Covid-19 em 24 horas


Bolsonaro prevê tirar dinheiro da Saúde e Educação se congresso derrubar veto de absorventes


Brasileiro usa mais lenha do que gás na cozinha, com alta nos preços


Roger Abdelmassih é internado em hospital de SP com água no pulmão


MPF denuncia ex-secretário de Saúde de Natal por compra irregular de respiradores


Palco giratório Sesc leva melancolia e ruptura de paradigmas ao espelho d’água da Redenção


Empresários e autoridades conhecem projeto Ondas de Natal em Rio Grande


Brechocão reúne protetores e simpatizantes da causa animal na Redenção


Isenção é insuficiente para aliviar o mercado do milho


"Acho que é minha última Copa", diz Neymar sobre Mundial no Catar



Crédito consignado para segurados do INSS cresce 25% em um ano


Taison comemora gol na volta da torcida do Inter e manifesta solidariedade a árbitro agredido no RS


Blue Origin adia viagem de ator William Shatner ao espaço


França vence Espanha de virada e é campeã da Liga das Nações


Líbano retoma parcialmente sua rede elétrica após Exército levar diesel para usinas


Itália tem pedidos para banir grupos pró-fascismo após depredações


Desfiles da Oktoberfest de Santa Cruz se adaptam a protocolos da Covid-19


Felipão segue no Grêmio e projeta "continuar trabalhando" para reverter crise


Flamengo faz 3 gols em 6 minutos e derrota Fortaleza fora de casa


França vence Espanha de virada e é campeã da Liga das Nações


Com torcida na bronca, Fluminense joga mal e só empata com Atlético-GO no Maracanã


Grêmio perde para o Santos e agrava crise na zona do rebaixamento


Caxias empata com o ABC e decide avanço na Série D fora de casa


Sport vence Corinthians por 1 a 0 e deixa a zona de rebaixamento


"Acho que é minha última Copa", diz Neymar sobre Mundial no Catar



Romildo vê obrigação de Grêmio vencer: "precisamos de uma epopeia em Fortaleza"


Nenhum comentário:

Postar um comentário