domingo, 12 de janeiro de 2020

Irã: Avião ucraniano foi abatido sem ordem devido a bloqueio de comunicações

Comandante da Guarda Revolucionária iraniana assumiu a responsabilidade pela tragédia

Governo iraniano admitiu a responsabilidade por derrubar o avião ucraniano

Governo iraniano admitiu a responsabilidade por derrubar o avião ucraniano | Foto: Akbar Tavakoli / Irna / AFP / CP

PUBLICIDADE

O operador de mísseis que abateu o avião da Ukraine International Airlines (UIA) nessa quarta-feira, em Teerã, disparou sem que pudesse obter a confirmação de uma ordem de disparo devido a um bloqueio das telecomunicações, afirmou um general iraniano neste sábado.

O soldado encarregado das operações confundiu o avião de passageiros com um "míssil de cruzeiro" e teve "10 segundos" para decidir o disparo, disse o brigadeiro-general Amirali Hajizadeh, comandante do ramo aeroespacial da Guarda Revolucionária iraniana, que assumiu a responsabilidade pela tragédia. "Foi um míssil de curto alcance que explodiu próximo ao avião. É a razão pela qual o avião continuou voando e explodiu quando tocou o chão", disse o brigadeiro-general.

"Assumo total responsabilidade. Eu preferiria morrer a ser testemunha de um acidente semelhante", completou Amirali Hajizadeh em comunicado transmitido pela televisão. Os 176 passageiros e a tripulação do avião morreram no acidente.

Presidente iraniano fala em erro imperdoável

Pelo Twitter, o presidente iraniano, Hassan Rouhani, escreveu que "a República Islâmica do Irã lamenta profundamente esse erro desastroso" e que seus "pensamentos e orações vão para todas as famílias de luto. Ofereço minhas mais sinceras condolências."

"A investigação interna das Forças Armadas concluiu que, infelizmente, mísseis disparados devido a erro humano causaram o terrível acidente do avião ucraniano e a morte de 176 pessoas inocentes. As investigações continuam para identificar e processar essa grande tragédia e erro imperdoável. #PS752", disse.




AFP e Correio do Povo


INTERNACIONAL

Irã admite ter derrubado avião ucraniano com 176 pessoas por engano

Aeronave foi atingida por mísseis

GOVERNO

Bolsonaro pede para eleitor não votar em político que usar o Fundão

Presidente falou em Santos

ECONOMIA

Queda da inadimplência impulsionará crescimento, diz economista-chefe do SPC

Índice caiu pela 1ª vez em 2 anos

JUSTIÇA

Posse e uso de drogas em quartéis foi o crime mais julgado pelo STM em 2019

Corte militar julgou 318 casos do tipo

ELEIÇÕES

Liderado por Tabata, movimento quer treinar candidatas para 2020

Grupo seleciona interessadas

INTERNACIONAL

Carlos Ghosn perdeu 40% de sua fortuna desde a prisão

Custo de imbróglio judicial: US$ 30 mi

INTERNACIONAL

EUA anunciam nova multa de US$ 5,4 milhões à Boeing

Empresa tem 30 dias pra tentar acordo

INTERNACIONAL

O minimalismo pode ajudar a salvar o planeta?

Menos é mais, pregam minimalistas

MÍDIA

Fatos da semana: tensão no Oriente Médio, porta dos Fundos e energia solar

Saiba o essencial para ficar informado

Opinião

WhatsApp ganha da TV como fonte de informação, informa Juliano Nóbrega

Incêndios queimam campanha australiana

Opinião

Os virgens, escreve Marcelo Tognozzi

Moro e Huck são as apostas da vez

Opinião

Haverá Terceira Guerra Mundial?, escreve Hamilton Carvalho

Fenômenos sociais: causas determinísticas



Nenhum comentário:

Postar um comentário