quinta-feira, 7 de novembro de 2019

Deputado propõe que RS libere cultivo, venda e consumo de maconha

Rodrigo Maroni (PODE) sustenta ter se inspirado em países como Uruguai, Holanda e Estados Unidos

Publicado por Ricardo Pont

O deputado estadual Rodrigo Maroni (Podemos) protocolou, na Assembleia Legislativa, um projeto de lei que dispõe sobre o controle, plantio, produção e comercialização de maconha no âmbito do Rio Grande do Sul. A proposta libera três formas de acesso à substância: pelo cultivo para uso pessoal, limitado a 480g por ano; pelo cultivo em clubes com até 45 sócios, ou através de compra em farmácias, restrita a maiores de idade. Para adolescentes, o consumo e o uso seguem proibidos, de acordo com o texto.

O parlamentar sustenta ter se inspirado em países como Uruguai, Holanda e Estados Unidos, onde a liberação da droga reduziu a violência provocada pela venda ilegal, através de traficantes. “Não dá para fingir que não existe o consumo de drogas ilícitas. Hoje a droga é encontrada em qualquer bairro de todos os municípios do estado e todo mundo sabe”, salienta.

“Nós não devemos estimular que as pessoas usem drogas, o que devemos é regular o consumo que já existe. Dessa maneira, o dinheiro movimentado pelo narcotráfico pode vir para o estado, gerando verba para saúde, educação e, sobretudo, para a segurança, que despende tempo, dinheiro”. Maroni enfatiza, ainda, que a ideia também é preservar vidas dos agentes da Polícia, que mais “enxuga gelo” do que consegue combater o narcotráfico.


Rádio Guaíba


JUSTIÇA

STF retoma nesta 5ª feira julgamento sobre prisão pós-2ª Instância

Placar neste momento é de 4 a 3


ECONOMIA

Megaleilão frustra expectativa do governo e arrecada R$ 70 bilhões

Equipe econômica esperava R$ 106,6 bi

ECONOMIA

Saiba quanto cada Estado vai receber do megaleilão do pré-sal

Governo arrecadou R$ 70 bilhões

JUSTIÇA

Prisão só após esgotar todos os recursos é cláusula pétrea, diz Kakay

É 1 dos autores de ação no STF

ECONOMIA

Ofertas no pré-sal desta 5ª feira encerram temporada de leilões de 2019

ANP promove 6ª rodada de partilha

ECONOMIA

Senado aprova PEC que estende regras da Previdência a Estados e municípios

Placar de 56 a 11 no 1º turno

BRASIL

Alcolumbre marca promulgação da reforma da Previdência para 12 de novembro

Regras passam a valer após 90 dias

GOVERNO

Governo transfere Secretaria da Cultura para o Ministério do Turismo

Secretaria estava na pasta da Cidadania

BRASIL

Autoridades brasileiras investigam mais 4 navios gregos por vazamento de óleo

5 embarcações são investigadas

JUSTIÇA

Bolsonaro tem direito de bloquear seguidores no Twitter, defende Aras

Presidente bloqueou perfil de deputada

MÍDIA

É falso que a China doou 60 helicópteros ao Brasil após viagem de Bolsonaro

Defesa negou informação

MÍDIA

YouTube é acusado de censura por tirar do ar vídeo sobre mudança de sexo

Publicado pela Fundação Heritage


Nenhum comentário:

Postar um comentário