segunda-feira, 7 de outubro de 2019

Tempo melhora no RS nesta segunda-feira

Sol deverá predominar ao longo dos próximos dias, com a temperatura aumentando gradativamente

Sol volta a predominar no RS nesta semaan

Sol volta a predominar no RS nesta semaan | Foto: Mauro Schaefer / CP Memória

PUBLICIDADE

Depois de quatro dias, a instabilidade associada à frente fria se afasta para o Norte e a cobertura de nebulosidade diminui no Rio Grande do Sul nesta segunda-feira. O sol aparece com nuvens em todo o Estado, mas no Nordeste e no Norte gaúcho ainda haverá maior presença de nebulosidade, de acordo com a MetSul Meteorologia. No Oeste e no Sul, tempo muito aberto com céu claro em várias cidades.

Será um dia de temperatura agradável que começará um pouco frio nas regiões serranas e no Sul do Estado. As máximas, porém, quase beiram os 30°C em cidades como Porto Alegre, Santa Cruz do Sul e Uruguaiana.

A semana que começa, conforme a MetSul, deve ter o predomínio do tempo seco. Esta segunda vai marcar o início de uma sequência de dias com sol no Rio Grande do Sul. Nuvens vão aparecer e se projeta nevoeiro e neblina no começo do dia em algumas regiões, mas a tônica da semana será mesmo o sol.

A temperatura estará agradável na maior parte do dias, porém o calor retornará, em especial entre sexta e sábado. O feriado de 12 de outubro tende a ser o mais quente com marcas até perto de 40°C em algumas localidades. A chuva retorna de forma generalizada entre o próximo domingo e a segunda-feira da semana que vem com prováveis temporais.

Mínimas e máximas pelo RS

Porto Alegre 15°C / 27°C
Capão 16°C / 22°C
Caxias 12°C / 14°C
Ausentes 10°C / 21°C
Bagé 11°C / 24°C
Uruguaiana 10°C / 27°C
Rio Grande 13°C / 24°C


MetSul e Correio do Povo


Quente da semana: Sínodo da Amazônia, ‘Cannabis’ e filme de ‘Breaking Bad’

Conferência do Vaticano segue debates sobre a floresta, Anvisa discute cultivo de maconha medicinal e longa baseado na série estreia na Netflix

Sínodo da Amazônia

A conferência do Vaticano, que começou no domingo, segue debatendo o futuro da floresta amazônica. O encontro de bispos católicos convocado pelo papa Francisco foi idealizado antes da polêmica internacional sobre a queimada e desmatamento da região e, naquela época, provocou reações negativas do governo de Jair Bolsonaro. Com os recentes acontecimentos, sua importância aumentou. Os resultados deverão ser anunciados ao final do sínodo, em 27 de outubro.

Cannabis em discussão

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) discute na terça-feira uma proposta de resolução que libera o cultivo da Cannabis para uso medicinal e o registro de medicamentos à base da planta no Brasil. A ideia enfrenta resistência do governo Jair Bolsonaro, que já se posicionou contra a liberação, mas o diretor-presidente da agência, William Dib, diz que não vai desistir de levar adiante a discussão sobre o tema. Ele defende o cultivo por pessoas jurídicas, somente em ambientes fechados e com diversos dispositivos de segurança.

O retorno de Breaking Bad

Seis anos depois de seu encerramento, a aclamada série ganha um filme que estreia na sexta-feira, na Netflix. O enredo de El Camino: A Breaking Bad Film será focado em Jesse Pinkman (Aaron Paul), assistente e comparsa do professor de química e traficante Walter White (Bryan Cranston) na produção original. O longa de duas horas vai narrar os acontecimentos após o desfecho da série. Criador de Breaking Bad , Vince Gilligan é o responsável por roteiro e direção.

Outros R$ 500

Os saques de até 500 reais do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) terão mais um lote liberado para trabalhadores que têm conta poupança na Caixa Econômica Federal na quarta-feira. Nesse lote, recebem os trabalhadores nascidos entre setembro e dezembro. Para quem não é cliente da Caixa, o saque começa em 18 de outubro, para os nascidos em janeiro.

Impeachment de Trump

O Comitê de Justiça da Câmara dos Deputados dos EUA ouvirá depoimento de Marie Yovanovitch, ex-embaixadora americana em Kiev, na sexta-feira. A representante foi dispensada por Trump porque teria se oposto às pressões do presidente americano sobre o governo da Ucrânia para que investigasse Joe e Hunter Biden. Joe Biden é o favorito entre os pré-candidatos democratas. O processo de impeachment tem como base o uso da política externa por Trump para sua ambição pessoal de se reeleger em 2020.

Amistosos da seleção

A seleção brasileira volta a campo nesta semana para duas partidas amistosas em Singapura. Na quinta-feira, a equipe dirigida por Tite enfrenta Senegal, às 9h. No domingo, o adversário será a Nigéria, também às 9h. Umas das atrações da seleção será o atacante Gabigol, destaque do Flamengo e artilheiro do Brasileirão.

Acompanhe tudo em www.veja.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário