sexta-feira, 13 de setembro de 2019

GM apresenta Onix Plus, novo carro fabricado em Gravataí (RS)

Versão turbinada do carro substituirá linha de produção anterior, que seguirá para São Paulo como modelo de entrada

Versão atualizada tem maior porte e motor turbo de 116 cavalos

Versão atualizada tem maior porte e motor turbo de 116 cavalos | Foto: Fabiano do Amaral

PUBLICIDADE

Em um grande evento, a General Motors (GM) apresentou nesta quinta-feira o novo modelo do Onix, que passará a ser produzido na fábrica de Gravataí, na região Metropolitana. A nova versão do carro, chamada de plus, foi apresentada em um jantar realizado na Fiergs com a presença de executivos da empresa, funcionários, clientes e imprensa. A proposta do novo modelo é que seja colocado uma categoria acima do atual, que passará a se chamar joy. O novo Onix terá motor tricilindrico turbinado, com 116 cavalos.

A apresentação contou com o vice-presidente executivo da GM América, Barry Engle, que demonstrou confiança. "Esse carro tem tudo que precisamos para seguir o sucesso do Onix." Ele ainda adiantou que novos lançamentos já estão previstos para o próximo ano, seguindo a mesma linha do carro apresentado nesta quinta-feira. "Temos outros lançamentos que fazem parte dessa mesma família. Em 2020, uma em cada 10 vendas serão de carros dessa nova família." Ele projeta que nos próximos anos, 80% das vendas na América do Sul sejam da mesma linha.

Com investimento de R$6,5 bilhões, a fábrica de Gravataí foi estruturada para produção do Onix Plus. Deste montante, R$1,4 bilhão foi destinado apenas para criação da nova plataforma de carros. A expectativa da montadora é que ainda neste mês comece a pré-venda do Plus. Já o modelo anterior, que receberá o nome de Joy e seguirá como carro de entrada, será feito na fábrica de São Caetano do Sul, em São Paulo. Vice-presidente da GM América do Sul, Marcos Munhoz, ressalta as mudanças do novo modelo. "Os carros ficaram maiores, com mais tecnologia, cumprindo exatamente o que prometemos quando anunciamos o projeto."

Munhoz também afastou a possibilidade de fechamento da fábrica do Rio Grande do Sul. "Em Gravataí fábrica cheia, três turnos produzindo o Onix hatch e sedã plus. A fábrica é uma das mais produtivas do mundo, fazemos um carro por minuto, estamos extremamente satisfeitos com a fábrica, esse investimento cria um ciclo longo, de oito a 10 anos."

O Plus será vendido nas versões hatch e sedã, com possibilidade de seis configurações. Para o mercado brasileiro estarão disponíveis os motores 1.0 aspirado e o 1.0 turbo da versão plus, mas a fábrica também fará carros com motor 1.2, estes destinados para exploração na América do Sul.

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário